Amazônia Legal: Governo Federal promove ação conjunta contra crimes ambientais

Compartilhe

Amazônia Legal: Governo Federal promove ação conjunta contra crimes ambientais

Operação do Governo Federal tem como objetivo combater crimes ambientais na região da Amazônia Legal
– Foto:
Foto: EBC

Em Mato Grosso, a Operação Verde Brasil 2 investigou uma denúncia de comercialização ilegal de madeira. No local, próximo ao município de Nova Ubiratã foram encontrados três mil metros cúbicos de madeira. Há indícios que apontam a venda ilegal. Produtos de três empresas diferentes estavam no mesmo pátio e as toras espalhadas, o que dificulta a identificação. Além disso, algumas espécies não possuíam nota fiscal. Agora, a madeireira será investigada para avaliar se houve crime.

A operação do Governo Federal teve início nessa segunda-feira (11) e tem como objetivo combater crimes ambientais na região da Amazônia Legal. A fiscalização na área foi uma atividade coordenada entre diversos órgãos, entre eles o Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama), militares e a Delegacia Especial do Meio Ambiente.

O analista ambiental do Ibama, Edilson Paz Fagundes, destacou que a atuação conjunta é importante em uma região extensa como a floresta amazônica.

“O Ibama tem mais de 30 anos de experiência na fiscalização ambiental, temos uma bagagem interessante na área, mas precisamos de apoio logístico. Até porque, se você verificar a imensidão da Amazônia, precisa de muita gente para atingir as áreas”, disse Edilson Paz.

Operação Verde Brasil 2

A Operação Verde Brasil 2 prevê o emprego das Forças Armadas para a Garantia da Lei e da Ordem (GLO) no combate a crimes ambientais como o desmatamento e focos de incêndio na Amazônia Legal. Os militares vão atuar em apoio aos órgãos de controle ambiental e de segurança pública. A previsão é que os trabalhos durem até o dia 10 de junho com orçamento inicial de R$ 60 milhões.

Entre os órgãos envolvidos estão a Polícia Federal, Polícia Rodoviária Federal, Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMbio), Força Nacional de Segurança Pública, Agência Brasileira de Inteligência (Abin) e Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia (Censipam).

A Operação será coordenada a partir do Centro de Operações Conjuntas (COC) do Ministério da Defesa, que ativou três Comandos Conjuntos. São eles: Comando Conjunto Príncipe da Beira (CCj PB), para atuar na área englobada pelos estados do Acre, Rondônia e Sul do Estado do Amazonas; Comando Conjunto Barão de Melgaço (CCj BM), que atua em Mato Grosso; e Comando Conjunto Marechal Soares de Andrea (CCj MSA), que cobre a área englobada pelo Estado do Pará.

As ações estão sendo promovidas na faixa de fronteira, nas terras indígenas, nas unidades federais de conservação ambiental e em outras áreas federais nos Estados da Amazônia Legal.

Leia também

Nova Venécia participa do Seminário Educar pra Valer 2022, no Ceará

  A Prefeitura de Nova Venécia esteve representada no Seminário Nacional Educar pra Valer, pela secretária de Educação, professora...

‘Frieza assusta’, diz delegado sobre filho que matou e incendiou o corpo do próprio pai no Sul do ES

  Ciclista Doramir Monteiro Silva, de 56 anos, estava desaparecido desde o final de junho Responsável pela investigação do caso...

MedicalPlus inaugura clínica em Nova Venécia

Inaugurada nesta segunda-feira, dia 27, a MedicalPlus é a primeira clínica de diagnóstico por imagem em Nova Venécia...

Festa de São Pedro começa nesta sexta, 1º, com fogueira gigante e desfile de escolas municipais

A Festa de São Pedro, que acontece no terreno da rodoviária, a partir das 18h desta sexta-feira, 1º...

Nova Venécia receberá R$ 57 milhões de investimento em obras

  A Prefeitura de Nova Venécia recebeu o Departamento de Edificações e de Rodovias do Estado do Espírito Santo...

Concurso para PM: inscrições para vagas de soldados terminam nesta semana

O governo do Espírito Santo anunciou, em junho, um concurso público para soldados da Polícia Militar. O salário...

Escola realiza aula de campo sobre patrimônio material e natural de Nova Venécia

  A Prefeitura de Nova Venécia, por meio da Secretaria Municipal de Educação (Seme), enalteceu o trabalho realizado pela...

Auxílio Brasil representa atualmente 2,16% do PIB da região Norte

O Ministério da Economia tenta encontrar espaço no orçamento para aumentar de R$ 400 para R$ 600 o...