AM: governo anuncia abertura de novos leitos para atendimento a pacientes com Covid-19

O governo amazonense anunciou nesse domingo (3) que o Hospital Beneficente Português do Amazonas terá 30 leitos exclusivos para pacientes com Covid-19, sendo dez de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e 20 clínicos. Cinco leitos de UTI já começam a funcionar a partir desta segunda-feira (4). 

A medida se dá em razão do aumento de casos da doença no estado. Em dois meses, houve um acréscimo de 125% na oferta de leitos exclusivos para Covid-19 na rede estadual de saúde, pulando de 457 para pouco mais de mil leitos.

Parceria entre Butantan e FNP quer facilitar compra da vacina contra covid-19

Vigência de convênios e contratos de repasse é prorrogada até 31 de março

Estados vão receber a vacina contra Covid-19 ao mesmo tempo

A rede estadual de saúde está reorganizando a rede de assistência na capital amazonense. A medida, prevista na quarta fase do Plano de Contingência para o Recrudescimento da Covid-19, fez com que a Secretaria de Estado de Saúde (SES-AM) mobilizasse todas as unidades para receber pacientes com a covid-19, inclusive hospitais de fundações e maternidades. 

O Ministério Público do estado (MPE-AM) ingressou com uma ação decretando o fechamento do comércio, mas o governador Wilson Lima afirma que ainda não foi notificado. Segundo ele, assim que souber da notificação, fará uma reunião com o Comitê de Enfrentamento à Covid-19 do governo para analisar as medidas cabíveis. 

De acordo com dados oficiais, foram registrados mais de 200 mil casos da doença no estado, sendo quase 5,5 mil vidas perdidas. 

Foto: Rovena Rosa/ Agência Brasil

Leia mais

Leia também