Alberto Fernández diz que brasileiros vieram da selva e argentinos chegaram de barco da Europa (vídeo)


O presidente da Argentina, Alberto Fernández, criou uma polêmica nesta quarta-feira (9) com o Brasil, durante encontro com o premiê da Espanha, Pedro Sánchez, em Buenos Aires. 

Fernández afirmou: “os mexicanos vieram dos indígenas, os brasileiros, da selva, e nós, chegamos em barcos”. “Eram barcos que vinham da Europa”, acrescentou o presidente argentino, apontando para o premiê espanhol. 

O presidente argentino pediu desculpas pela declaração pouco depois de ela repercutir intensamente nas redes sociais.

Assista:

Segundo a Folha de S. Paulo, Alberto Fernández acreditava fazer menção a uma frase incorretamente atribuída ao escritor mexicano Octavio Paz (1914-1998), Nobel de literatura em 1990, em que ele teria discorrido sobre a raiz asteca dos mexicanos e a origem inca dos peruanos. 

“Fernández, porém, confundiu-se, e a frase é na verdade parte de uma canção do compositor Litto Nebbia. A frase racista, no entanto, revela um traço cultural profundo que minimiza ou mesmo nega a raiz mestiça da população argentina, algo presente desde o século 19, no pensamento de intelectuais e políticos importantes”, escreve a jornalista Sylvia Colombo. 

(Foto: Reprodução)