Agentes de Venda do Cartão GV estarão em feiras livres de Vitória neste final de semana

Neste sábado (06) e no domingo (07), os agentes de venda do CartãoGV estarão presentes nas feiras livres de Vitória comercializando e recarregando o Bilhete Único Metropolitano. A ação tem o objetivo de estimular o uso do cartão como forma de pagamento, com o objetivo de diminuir o risco de contágio de Covid-19 por meio da circulação de dinheiro no transporte público.

Desde o mês de maio, como medida de prevenção ao novo Coronavírus (Covid-19), o embarque nos coletivos do sistema Transcol é feito exclusivamente por meio do CartãoGV.

Lembre-se: Saia de casa somente se for realmente necessário. Caso precise utilizar o transporte coletivo, utilize o CartãoGV e embarque somente em coletivos com assentos disponíveis. Utilize também o aplicativo ÔnibusGV para conferir os horários e localização dos coletivos para programar sua viagem.

Feiras e horários:

Feira livre de Maruípe (Av Cel. José Martins de Figueiredo) – domingo (07) de 06h às 12h;

Feira livre de Caratoíra (Rua Presidente Arthur Bernardes) – sábado (06) de 06h às 12h;

Feira livre de Santa Martha (Rua João Batista Martinho) – domingo (07) de e 06h às 12h;

Feira livre de Jardim da Penha (Rua Comissário Octávio Queiroz) – sábado(06) de 06h às 12h;

Feira livre de Maria Ortiz (Av Prof. Fernando Duarte Rabelo) – sábado (06) de 06h às 12h;

Feira livre de São Pedro (Rua Natalino de Freitas Neves) – sábado (06) de 06h às 12h;

Feira de Gurigica (Rua Construtor Camilo Gianordoli) – domingo (07) de 06h às 12h;

Cartão GV em Guarapari

Os usuários do sistema Transcol moradores de Guarapari, agora contam com mais um ponto para aquisição e recarga do CartãoGV:
Fábio Lanches – Rua Turfa, 01 (Trevo de Setiba) – Guarapari. Atualmente, a região é atendida pela linha 672, que vai até o trevo de Setiba.

O Sistema Transcol vem adotando uma série de medidas para diminuir o risco de contágio no transporte coletivo desde o início das restrições de circulação em decorrência da pandemia. Entre elas estão o reforço na higienização dos coletivos com hipoclorito de sódio diluído, conforme orientações da Secretaria da Saúde (Sesa); reforço na limpeza dos terminais e disponibilização de sabonete nos banheiros, afastamento de colaboradores do sistema com mais de 60 anos, com comorbidades ou com sintomas gripais; retirada dos veículos com ar-condicionado de circulação; superdimensionamento da operação para garantir o transporte, minimizando o risco de contaminação; recomendação para que passageiros embarquem somente em veículos com assentos disponíveis; marcação das filas nos terminais e recomendação aos passageiros para manutenção do distanciamento mínimo de 1,5 metro, além da distribuição de álcool gel e máscaras para os trabalhadores do sistema; e distribuição de máscaras para passageiros nos terminais.

Texto: Esther Mendes

Leia mais

Leia também