Agenda de Resposta Rápida orienta profissionais de saúde do Estado

Como resposta rápida e efetiva à pandemia de Covid-19, o Governo do Estado desenvolveu, neste ano, a Agenda de Resposta Rápida para a Atenção Primária à Saúde (APS), uma solução prática que desempenha um papel importante no enfrentamento do novo coronavírus.

Trata-se de um documento, de mais de 200 páginas, que orienta as equipes de profissionais da APS dos 78 municípios do Espírito Santo para fortalecer a promoção da saúde e prevenção de doenças, assim como o cuidado com as pessoas.

Gerente de Políticas e Organização de Redes de Atenção à Saúde (Geporas), Cristiano Ribeiro explica que a Agenda Rápida busca nortear o trabalho das equipes de saúde em todo o território estadual.

“Durante o início da pandemia, o cenário era de temor, com a redução de atendimentos, afastamento de servidores infectados e dúvidas quanto ao trabalho de forma geral. A Agenda Rápida surgiu para orientar os profissionais de saúde da Atenção Primária a como organizar os atendimentos, quais seriam as prioridades, como se manterem seguros durante seus trabalhos e diversos outros pontos fundamentais”.

Além de um site dedicado a informações para os profissionais e também para a população em geral sobre a Covid-19, uma série de capacitações online aconteceram com orientações sobre temas, como, o acolhimento e classificação de risco, a organização das transferências de pacientes, as visitas domiciliares e a organização do monitoramento domiciliar. Videoaulas permanecem disponíveis ao acesso de toda a população.

A agenda conta, ainda, com duas cartilhas que podem ser utilizadas pelos municípios. A primeira trata sobre qualidade de vida, com dicas sobre prevenção a doenças mentais que possam ocorrer neste momento de isolamento social, com exercícios simples que o cidadão pode praticar em casa. Outra cartilha apresenta exercícios respiratórios importantes que podem ser praticados por quem já teve a Covid-19, tudo indicado por fisioterapeutas.

Acesse a Agenda de Resposta Rápida para a Atenção Primária em Saúde.

Agilidade na informação contra Covid-19

A Secretaria de Estado (Sesa) disponibilizou, ainda, uma ferramenta que avisa com agilidade as unidades de Atenção Primária à Saúde (APS) quando o usuário de qualquer localidade esteja com suspeita de covid-19.

Cristiano Ribeiro explica que, quando o profissional faz a coleta para a realização do exame de covid-19, os dados são cadastrados em um sistema que notifica a unidade de saúde de origem do paciente, o que possibilita o acompanhamento de perto por partes das equipes locais.

“Isso é muito importante se pensarmos que temos equipes nas unidades de saúde que já conhecem os usuários e vão poder monitorar mais de perto os casos e trabalhar numa perspectiva de acompanhar as pessoas e apoiá-las durante este processo”.

Cristiano Ribeiro explica que Agenda Rápida tem papel fundamental na organização de atendimentos durante a pandemia — Foto: Governo do Estado/Divulgação

Leia mais

Ministério da Saúde entrega mais de mil respiradores a estados; 10 para o Espírito Santo

1.016 respiradores foram consertados e devolvidos para instituições de saúde de diversos pontos do Brasil. – Foto: Ministério da Defesa O Governo Federal, por meio do Ministério...

Número de casos de Covid-19 voltará a aumentar no Espírito Santo, diz secretário de Saúde

  O número de casos de Covid-19 voltará a aumentar no Espírito Santo. A informação foi divulgada nesta segunda-feira (21) pelo secretário estadual de Saúde,...

Governo corta financiamento à maior pesquisa mundial sobre coronavírus

O Ministério da Saúde não renovará o financiamento de uma pesquisa Epicovid, o maior estudo sobre Covid-19 do Brasil. A coordenação é feita pelo Centro...

Leia também

Verba emergencial para Saúde Bucal poderá ser solicitada até o dia 11 de dezembro

O prazo de adesão dos estados, municípios e do Distrito Federal ao repasse financeiro excepcional e temporário para apoiar a estruturação, reorganização e adequação...

Modernização do Fundo de Telecomunicações pode ajudar a levar mais conectividade para o agronegócio gaúcho

Sexto maior produtor agrícola do país, o Rio Grande do Sul já faturou mais de R$ 43 bilhões até outubro deste ano com as...

RO: Colégios SESI-SENAI utilizam Lego como instrumento de aprendizagem

Para ampliar a capacidade empreendedora e criativa dos alunos, os colégios do SESI e SENAI de Rondônia implementaram uma dinâmica de ensino com a...

Prorrogação da desoneração da folha pode diminuir impacto da pandemia na geração de empregos em Pinhais (PR)

A recente derrubada do veto presidencial à prorrogação da desoneração da folha de pagamento pelo Congresso Nacional, em novembro, pode ajudar a amenizar os...