Aderes abre edital para entrega de cestas básicas a empreendedores

O Governo do Estado, por meio da Agência de Desenvolvimento das Micro e Pequenas Empresas e do Empreendedorismo do Estado (Aderes), abriu edital de chamamento público com a finalidade de cadastrar entidades de representação do Artesanato, Economia solidária,  Micro Empresas / Microempreendedor Individual (MEI), além de outras entidades de empreendedores, interessados em receber uma cesta básica.

O cadastro das instituições tem como objetivo apoiar seus associados ou membros com o recebimento de uma cesta básica, por família, nesse período de crise econômica provocado pelo agravamento da pandemia do novo Coronavírus (Covid-19), em que foi restringida a  comercialização de produtos.

Os empreendedores interessados em receber a cesta básica devem ser cadastrados em alguma entidade de representação voltada para as micro e pequenas empresas, microempreendedores individuais, associativismo, cooperativismo, economia solidária e agroindústria de base familiar. Além disso, deve ter uma renda, por membro da família, de até meio salário mínimo.

As inscrições seguem até o próximo dia 23, acesse aqui.

As cestas básicas serão entregues nos endereços cadastrados nas fichas de inscrição das entidades de representação e a mesma ficará responsável por destinar aos empreendedores cadastrados conforme lista encaminhada para Aderes.

De acordo com o diretor técnico da Aderes, Hugo Tófoli, nesse momento de intensificação das  restrições para conter a pandemia do novo Coronavírus, a entrega das cestas básicas é fundamental para os pequenos empreendedores que ficaram totalmente sem renda. “A Aderes mais uma vez vem cumprir sua missão, que é cuidar dos pequenos empreendedores. Entendemos que essa ação, nesse momento, é fundamental para sobrevivência dos negócios num futuro próximo”, disse Hugo.

Saiba mais

VEJA EDITAL COMPLETO

 

Leia mais

Leia também