Acusados pela morte da médica Milena Gotardi serão jugados em 8 de março de 2021

Médica foi assassinada em setembro de 2017 em Vitória. Ex-marido Hilário Frasson e o pai dele, além de outros quatro acusados de participação no crime, irão a julgamento no Dia Internacional da Mulher.

Ex-policial civil Hilário Frasson é acusado de ser um dos mandantes do assassinato da ex-mulher, Milena Gotardi

Ex-policial civil Hilário Frasson é acusado de ser um dos mandantes do assassinato da ex-mulher, Milena Gotardi

No dia 8 de março, data em que é comemorado o Dia Internacional da Mulher, acontecerá o julgamento dos seis acusados de participação no assassinato da média Milena Gotardi, que ocorreu em setembro de 2017.

Além do ex-marido da vítima, o ex-policial Hilário Frasson, e do pai dele, Espiridião Carlos Frasson, que são apontados pelo Ministério Público como os autores do crime, também sentarão no banco dos réus Valcir da Silva Dias e Hermegenildo Palauro Filho, acusados de intermediar o crime.

Já Dionathas Alves Vieira, é apontado como o executor de Milena, enquanto Bruno Rodrigues Broetto, cunhado de Dionathas, teria fornecido a motocicleta usada no crime.

O julgamento está marcado para acontecer no Fórum do Centro de Vitória, às 9 horas do dia 8 de março de 2021. Todos os suspeitos estão presos.

Aos 38 anos, Milena foi baleada com um tiro na cabeça em 14 de setembro de 2017, no estacionamento do Hospital Universitário Cassiano Antônio Moraes (Hucam), em Vitória. A médica havia acabado de sair do trabalho e foi surpreendida por um homem que simulou uma tentativa de assalto. Ela foi socorrida, mas teve a morte declarada no dia seguinte.

O ex-marido de Milena, Hilário Frasson, está preso desde setembro de 2018, acusado de ser o mandante do crime.

Em abril de 2019, o Tribunal de Justiça do Espírito Santo (TJES) manteve a decisão de levar a júri popular os acusados de matar Milena.

Em setembro de 2019, O Conselho de Polícia Civil decidiu demitir Hilário Frasson, que até então era policial civil.

 

Leia mais

Leia também