Acordo com Assembleia vai gerar economia de R$ 6 milhões para o Espírito Santo

Acordo firmado com o Executivo prevê contingenciamento de até 4% no duodécimo entre maio e dezembro de 2020

Por Karina Borgo

O acordo firmado entre a Assembleia Legislativa (Ales) e o Poder Executivo para contingenciamento de até 4% dos repasses financeiros previstos na Lei Orçamentária Anual de 2020 (Lei 11.096/2020) foi publicado nesta quarta-feira (10), no Diário Oficial do Estado.

O acordo foi motivado pela “necessidade de urgente concentração e direcionamento de recursos financeiros para o custeio de insumos, equipamentos e estruturas que permitam dar o adequado atendimento e tratamento à parcela da população atingida pela disseminação da Covid-19”.

Os repasses são relativos aos duodécimos pagos entre maio e dezembro deste ano, no valor mensal de R$ 18.762.652,58. A participação do Legislativo no orçamento anual do Estado para 2020 é de R$ 225.151.831. Se o contingenciamento chegar a 4%, o repasse mensal sofrerá uma queda de R$ 750.506,10, gerando uma economia total de R$ 6.004.048,80 para os cofres do Executivo.

Segundo o acordo, a redução do repasse dos duodécimos será efetivada na mesma proporção da variação real negativa entre os valores arrecadados de ICMS, IPVA, FPE, royalties e participações especiais de petróleo, de abril a novembro do exercício de 2020, em relação ao mesmo período de 2019, anteriormente à incidência de descontos de qualquer natureza, ficando a redução limitada a 4%.

Os efeitos financeiros do acordo referentes à parcela de duodécimo paga em maio de 2020 serão aplicados conjuntamente ao desconto do mês de junho de 2020. Caso se verifique que o valor real da receita arrecadada acumulada de ICMS, IPVA, FPE, royalties e participações especiais de petróleo supere a receita arrecadada acumulada no mesmo período de 2019, o montante não repassado será recomposto, de forma proporcional ao excesso verificado e às reduções efetivadas.

O acordo prevê ainda a adoção de medidas de contingenciamento de despesas que se fizerem necessárias para preservação do equilíbrio fiscal e das contas públicas do Legislativo estadual.

Termo foi publicado nesta quarta (10) / Foto: Lucas Albani

Corte de gastos

Em face da crise gerada pela pandemia do novo coronavírus, a Ales foi o primeiro Poder a executar cortes e contenção de despesas. No dia 8 de abril, foi publicado o Ato 2.844, da Mesa Diretora, com uma série de medidas visando a redução e contingenciamento de gastos, traduzidos em uma economia de R$ 8 milhões para a Casa.

O ato levou em consideração a interrupção das atividades presenciais para suspender as emissões de novas ordens de fornecimento e serviços, relativas à execução de contratos administrativos entre a Assembleia e prestadores de serviços. Também suspendeu obras que não tenham sido iniciadas ou cujos serviços não tenham sido contratados, bem como as não essenciais à manutenção predial.

Leia mais

O TEMPO E A TEMPERATURA: Sudeste do país tem tempo com chuva, nesta quinta-feira (30)

A passagem de uma frente fria em combinação com ventos úmidos que sopram do mar favorecem a chuva na região Sudeste do país, nesta...

O TEMPO E A TEMPERATURA: Centro-Oeste do país segue com baixa umidade do ar nesta segunda-feira (12)

A semana deve começar com chuva na Região Centro-Oeste do país, que pode se espalhar pelo norte de Mato Grosso do Sul, Goiás e...

Polícia prende suspeito de cometer três homicídios no Norte do Espírito Santo

Um homem de 25 anos, suspeito de pelo menos três homicídios em Linhares, no Norte do Espírito Santo, foi preso pela Polícia Civil nesta...

Leia também

Brasil assina declaração sobre defesa do acesso das mulheres a promoção da saúde

Foto: Reprodução Trinta e um países, incluindo o Brasil, assinaram, em cerimônia virtual, a chamada Declaração de Consenso de Genebra, um documento no qual...

Publicadas regras de flexibilização do programa A Voz do Brasil

Apenas as rádios educativas devem manter o início da transmissão às 19h. A portaria que estabelece as condições, critérios e procedimentos para a flexibilização e...

Arrecadação prevista pelo Governo Federal em 2020 deve ter queda ‘brutal’, avalia IFI

Com a revisão mais recente feita pelo Executivo, a previsão da arrecadação do Governo Federal em 2020 terá uma redução de 12%. Em análise...

Espírito Santo autoriza funcionamento de cerimoniais infantis a partir de 3 de novembro

  O governador do Espírito Santo, Renato Casagrande (PSB), anunciou nesta sexta-feira (23) a autorização para o funcionamento de cerimoniais e espaços de recreação infantis...