Academia ao ar livre está abandonada e usuários apontam desleixo do prefeito em Água Doce do Norte

Por Elvécio Andrade / colatina new

Mostrando que não são apenas cemitério e obras inacabadas que estão abandonadas em Água Doce do Norte, no Noroeste do Espírito Santo, moradores revoltados com o descaso pedem providências ao prefeito Paulo Márcio em relação à Academia ao Ar Livre, no Distrito de Santo Agostinho.

O local, que é utilizado pelas famílias do distrito para a prática de exercícios, está no mais completo abandono, necessitando de limpezas e reparos nos equipamentos, que por falta de manutenção por parte da prefeitura, estão se deteriorando e prejudicando os moradores de praticarem atividades físicas.

A Academia ao Ar Livre fica ao lado do campo de futebol do distrito e era muito frequentada por jovens e idosos que se preocupam com a saúde. O desleixo da prefeitura tornou impraticável o uso do local. “Esse prefeito é o pior do Brasil. Estamos loucos para ficarmos livres de Paulo Márcio”, disse um usuário.

Um servidor, que não será identificado para evitar represálias, disse que já ouviu Paulo Márcio dizer que o Município não tinha obrigação de ficar gastando dinheiro com equipamentos de ginásticas para desocupados ficarem fazendo exercícios. “Ele trata o povo como se fosse vagabundo”, disse o servidor.

 

Leia mais

Leia também