‘Abuso de autoridade’ e ‘tortura’, diz defesa de vereador levado para delegacia após abordagem da PM

Compartilhe

 

O vereador Léo Dantas (Patriota), de Guarapari (ES), fez gestos obscenos para policiais e se recusou a fazer o teste do bafômetro após ser abordado em uma blitz, segundo a Polícia Militar.

O caso aconteceu na noite desta sexta-feira (17) e vídeos que circulam pelas redes sociais mostram partes da abordagem.

O advogado do vereador, Valdir Junior, disse que houve “verdadeiro abuso de autoridade” por parte da PM e que o celular do político foi quebrado após ser retirado à força da mão dele.

A defesa argumentou ainda que Léo foi vitima de lesões corporais e spray de pimenta, “configurando tortura”. O advogado contou que vídeos com as provas serão encaminhados para a corregedoria da PM.

Sobre as afirmações do advogado, a PM informou que o vereador “reagiu a abordagem, se fazendo necessário o uso de força progressiva, além de equipamentos não letais para que fosse imobilizado”.

“No entanto, a PM ressalta que todo cidadão que se sinta prejudicado por uma ação de um agente de segurança pública pode se dirigir à corregedoria da instituição, munido de provas, e fazer o registro da ocorrência para que o caso seja devidamente apurado”, divulgou a PM em nota.

Vereador Leo Dantas — Foto: Câmara Municipal de Guarapari/Divulgação

Vereador Leo Dantas — Foto: Câmara Municipal de Guarapari/Divulgação

A PM disse que “ao pedir a identificação do condutor ele desembarcou imediatamente e informou ser vereador do município e tentou intimidar a equipe, momento em que os policiais perceberam odor etílico“.

Segundo a polícia, perguntado se havia ingerido bebida alcoólica, o vereador “pegou seu celular, afastou-se do veículo e ignorou a guarnição, se recusando a fazer o teste do bafômetro“.

“Diante dos fatos, foi lavrado um auto de infração referente a recusa em se submeter ao exame de alcoolemia e informado de que ele precisaria apresentar um condutor habilitado para liberação do veículo. Após feito todos os procedimentos e liberado, o homem seguiu no banco de trás do carro, mas, ao cruzar com outra guarnição, fez gesto obsceno pela janela para os militares, que acompanharam novamente o veículo dando nova ordem de parada, tendo o veículo parado somente em um posto de combustível”, diz parte da nota divulgada pela PM.

Abordado novamente, o vereador, de acordo com a PM, foi informado que deveria acompanhar a equipe até uma delegacia, onde assinaria um termo circunstanciado devido ao desacato e seria liberado.

“No entanto, ele se recusou dizendo que era autoridade e que os policiais não teriam poder para isso. Novamente o vereador pegou o celular e, ao telefone, ignorou os policiais. Solicitado que obedecesse a ordem, o homem entrou em luta corporal com um PM, momento em que o condutor que estava no veículo dele tentou intervir e também entrou em luta com os militares”, diz outro trecho da nota divulgada pela Polícia Militar.

Em seguida, segundo a polícia, chegou no local o pai do vereador, “que também tentou intimidar a equipe dizendo que não poderiam conduzir seu filho, que ele faria com que todos fossem transferidos do batalhão“.

A PM divulgou também que, “após muita resistência”, as partes foram encaminhadas à Delegacia Regional de Guarapari.

Segundo a Polícia Civil, o vereador de 22 anos e um homem de 30, que estava no carro com o político, assinaram um termo circunstanciado de ocorrência por desacato e foram liberados após assumirem o compromisso de comparecer em juízo.

A Câmara Municipal de Guarapari informou que não se manifesta quanto a “questões de cunho pessoal dos parlamentares”.

Leia também

Juarez Oliosi e Jorge Machado conquistam calçamento para Cristalina e Poção

  Os vereadores Juarez Oliosi (PSB) e Jorge Machado (DC) divulgaram na última Sessão ordinária, que após esforços, conseguiram...

Homem é preso e adolescente é apreendido ao receberem quase R$ 2 mil em notas falsas pelos Correios

  Um homem de 34 anos foi preso e um adolescente de 16 anos foi apreendido, na tarde desta...

INDICADORES: Preço do café arábica cai nesta quarta-feira (29)

A saca de 60 quilos do café arábica iniciou a quarta-feira (29) com diminuição de 1,37% no preço...

Câmara aprova Plano Nacional do Esporte

A Câmara dos Deputados aprovou nesta terça-feira (28) o projeto de lei que cria o Plano Nacional do...

Nota à imprensa e à população capixaba

A Secretaria da Fazenda (Sefaz) informa que houve um equívoco, nessa quinta-feira (30), na apresentação dos dados referentes...

Espírito Santo anuncia R$ 30 milhões para nova linha de financiamento do programa de Coinvestimento da Cultura

O governador do Estado, Renato Casagrande, anunciou, na tarde desta quinta-feira (30), a nova linha de financiamento do...

Com gol de Gabriel Teixeira, Grêmio derrota Londrina na Série B

O Grêmio retornou ao caminho das vitórias na Série B do Campeonato Brasileiro ao bater o Londrina por...

MORTALIDADE INFANTIL: Espírito Santo registra taxa de 10,7 mortes de crianças por mil nascidos vivos

O Espírito Santo registrou, em 2019, 10,7 mortes de crianças por mil nascidos vivos, segundo dados do Ministério...