28 de junho é o dia do imigrante pomerano

Compartilhe

O grupo era formado por 27 famílias, em um total de 117 passageiros

 

 

O Dia Estadual do Imigrante Pomerano é comemorado no Espírito Santo em 28 de junho. Uma forma de homenagear a importância dos imigrantes e seus descendentes ao desenvolvimento do estado.

As primeiras famílias de imigrantes vindos da Pomerânia desembarcaram no Porto de Vitória no dia 28 de junho de 1.859, há exatos 163 anos.

O grupo era formado por 27 famílias, em um total de 117 passageiros. Eles eram agricultores e luteranos, que partiram de Hamburgo, na Alemanha, no navio Eleonor, em abril de 1859. O transatlântico entrou no porto do Rio de Janeiro após dois meses de viagem. Lá estava sediada a “Central de Colonização”, responsável pelos contratos e transportes. Após essa breve escala, na capital do Império, seguiram viagem no barco “São Matheus” e chegaram a Vitória no dia 28 de junho.

A Pomerânia estava localizada entre a Europa e o Mar Báltico. A historiadora Cione Marta Raasch Manske, no livro “Pomeranos no Espírito Santo”, ressalta que o solo fértil, a diversidade hídrica e a localização estratégica desencadearam disputas pela posse da terra na Idade Média, deixando-a marcada por guerras, epidemias e fome. A imigração, neste contexto, mostrou-se como uma opção para a sobrevivência. Durante um período prolongado, diferentes conflitos devastaram o local. Em 1720, o território é conquistado pela Prússia, que em 1817 institui a “Província Prussiana da Pomerânia”. No século XIX, conforme aborda a autora, mudanças políticas, econômicas e sociais contribuíram de forma significativa para o agravamento da situação de crise. A instabilidade social gerada pelo desemprego impulsionou os pomeranos a imigrarem para o Brasil, com destaque ao Espírito Santo.

O estado do Espírito concentra a maior comunidade lingüística do mundo, perfilando vários municípios com quantitativo expressivo de pomeranos. Os que mais abrigam pomeranos são os municípios de Santa Maria de Jetibá, Laranja da Terra, Pancas, Vila Pavão, Itarana, Domingos Martins, entre outros. Além de se estabelecerem principalmente na região serrana do Espírito Santo, imigrantes procedentes da Pomerânia também se instalaram em outros estados do Brasil, como, Minas Gerais, Rondônia, Santa Catarina, Espírito Santo e Rio Grande do Sul.

Informações Arquivo Público do ES.

Leia também

Torcida esgota ingressos para jogo entre Nova Venécia e Portuguesa (RJ)

  Apoio não vai faltar! A torcida do Nova Venécia esgotou, em pouco mais de 24 horas, toda a...

Técnicas da Secretaria de Educação participam de Encontro Estadual do Livro Didático

  A Prefeitura de Nova Venécia, por meio da Secretaria Municipal de Educação (Seme), foi representada por seus técnicos...

Prefeitura prepara nova área para realização da 23ª Pomitafro

      Contagem regressiva em Vila Pavão. Falta pouco mais de uma...

ES: Soldado do Exército é preso suspeito de se masturbar para crianças em janela de apartamento

Um soldado do Exército de 26 anos foi preso na última quinta-feira (4), em um condomínio de Serra...

Rota do Mel amplia as possibilidades de mercado para apicultores em nove estados brasileiros

Setor com grande potencial de expansão, a apicultura no Brasil é responsável pela geração de mais de 350...

Saiba como proceder em casos de vendaval

No Brasil, os desastres naturais meteorológicos, entre eles os vendavais, estão entre os mais frequentes e mais danosos....

Ponte ecológica é construída no Denzol, em Barra de São Francisco; agora já são 56 em um ano e oito meses

Funcionários da secretaria de Transportes e Estradas da prefeitura de Barra de São Francisco, construiu mais uma ponte...

ES: motorista morre após bater de frente com carreta na BR-101

  Carro de motorista que morreu em acidente na BR-101, em Sooretama, Norte do ES Um homem de 50 anos...