ES: mulher coloca fogo em carro de amante e fica ferida

Uma mulher, de 39 anos, e o filho dela ficaram feridos depois dela colocar fogo no carro do amante, de 29 anos, no final da tarde desse sábado (17).

O ato teria sido motivado por uma briga do casal. Os dois feridos estão internados no Hospital Estadual Jayme Santos Neves sob escolta policial. O caso aconteceu próximo a um cemitério da Serra, na região da Grande Vitória.

A mulher relatou para a polícia que tinha um relacionamento com o homem que ela incendiou o carro e que eles tiveram um desentendimento na sexta-feira (16).

eira (16).

Local onde mulher incendiou carro de amante fica com vegetação queimada, na Serra  — Foto: Kaique Dias/ TV Gazeta
Local onde mulher incendiou carro de amante fica com vegetação queimada, na Serra — Foto: Kaique Dias/ TV Gazeta

Segundo ela, essa briga teria sido motivada porque o amante pediu que passasse algumas peças do carro dela para o dele e prometeu que daria o veículo para ela. Na sexta, o homem teria mudado a conversa e afirmou que não daria mais o carro.

Por causa disso, ela pegou o carro dele e foi com o filho até a estrada que dá acesso ao cemitério de Carapina Grande, no município. Com galão de álcool, ela incendiou o veículo.

Mulher coloca fogo no carro de amante, na Serra  — Foto: Divulgação/ PMES
Mulher coloca fogo no carro de amante, na Serra — Foto: Divulgação/ PMES

As chamas atingiram o corpo da mulher e, ao tentar socorrer, o filho dela também se feriu. Os dois foram sozinhos até o hospital Jayme Santos Neves, onde continuam internados.

O carro dela, que estava próximo ao local do incêndio, e o veículo incendiado foram levados de guincho até a 3ª Delegacia Regional de Laranjeiras. A Polícia Militar informou que a irmã da mulher já levou o carro dela embora.

Mãe e filho mãe e filho estão internados sob escolta. Não se sabe o estado de saúde deles.

Investigação

A Polícia Civil informou que o caso foi registrado na Delegacia Regional de Serra e seguirá sob investigação. Como a suposta autora está hospitalizada, ela ainda não foi conduzida à Delegacia.