Policial é baleado ao tentar evitar assalto no ES e enfermeira é vítima de bala perdida

Um policial civil, de 35 anos, foi baleado por volta de 22h40, de terça-feira (4), ao tentar impedir um assalto, em frente ao condomínio onde mora em Colina de Laranjeiras, na Serra, região da Grande Vitória. Uma enfermeira foi atingida com um tiro de raspão.

A bala atravessou o joelho direito do policial e pegou de raspão a perna esquerda. Ele foi levado para o hospital Metropolitano. Nenhum suspeito foi preso.

De acordo com a Polícia Civil, o policial chegava em casa quando viu um homem ser assaltado por dois criminosos em uma moto, que levar a carteira e o celular da vítima.

Ao ver o homem ser roubado, o policial civil abordou os criminosos e pediu para que se rendessem e largassem a arma. Nesse momento, começou uma troca de tiros entre eles. Os criminosos não foram atingidos. O policial levou um tiro que atravessou o joelho dele.

A comunicação do hospital Metropolitano informou que o policial passou por uma cirurgia e estava sedado.

Outra vítima

A outra vítima foi uma enfermeira, de 38 anos. Ela não mora no condomínio e tinha ido visitar uma amiga. A enfermeira estava entrando no carro para ir embora quando a troca de tiros começou e foi baleada de raspão no quadril.

Polícia Civil

A Polícia Civil informou que o caso é investigado pelo Departamento Especializado de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP). Nenhum suspeito foi detido.

Polícia Militar

O comando da 2ª Companhia do 6º Batalhão da Polícia Militar informou que o bairro Colina de Laranjeiras tem policiamento específico e qe existe um projeto em andamento na região chamado de Rede Comunidade Segura.

A PM disse que fez 900 visitas no bairro e que está à disposição da comunidade no telefone 3328-3857 para agendar reuniões ou até mesmo solicitar uma visita ao comércio do bairro.