A paralisação está forte, diz caminhoneiro em Barra de São Francisco

A manifestação iniciada na última terça-feira, 22 de maio de 2018, continua firme em Barra de São Francisco. Na tarde desta sexta-feira, 25 de maio de 2018, Mazinho do Hospital esteve no local e conversou com os manifestantes.

Os caminhoneiros estão paralisados na saída para Mantena e não têm data para voltar a rodar. Sobre a proposta de acordo do governo, os caminhoneiros não reconhecem. “Quem conversou com o governo não nos representa. Esse acordo não favoreceu ninguém até agora. A paralisação está forte e vai continuar“, disse Rafael.

A luta dos caminhoneiros é contra o aumento semanal no preço dos combustíveis. “O preço correto do Diesel é R$ 3,00. Nenhum caminhão vai sair daqui“, garantiu Rafael. (veja vídeo abaixo)

Fila em postos da cidade

Nesta quinta-feira, 24 de maio, muitos francisquenses formaram grandes filas nos postos de combustíveis de Barra de São Francisco para abastecer.

Em alguns postos já falta combustível. Há preocupação também de falta de alimento, caso continue a paralisação, já que nenhum caminhão está passando pelas manifestações, que acontecem em todo o Brasil.

Veja também

Motoristas fazem fila para abastecer em postos de Barra de São Francisco

Caminhoneiro há 37 anos, Célio Corte fala sobre protesto contra aumento no preço do combustível em Barra de São Francisco

Filas em postos de combustíveis se estenderam até à noite em Barra de São Francisco

Caminhoneiros iniciam protestos com paralisação em Barra de São Francisco