Suinocultura irregular é paralisada pela Polícia Militar em São Gabriel da Palha

materia82mes092015edit-300x225Nesse fim de semana, O Batalhão de Polícia Militar Ambiental (BPMA) constatou uma pocilga lançando efluentes em um córrego, em São Gabriel da Palha. Ao todo, 23 animais foram apreendidos e o proprietário responderá pelo crime de poluição.

O fato ocorreu em Córrego Dourados, zona rural de São Gabriel da Palha. Uma guarnição esteve no local após denúncias, e constatou varias baias instaladas às margens do curso d’água. Vinte e três suínos eram mantidos em confinamento e os efluentes gerados pelos animais estavam sendo direcionados para o leito do córrego, sem qualquer tipo de tratamento.

O responsável pelos animais, um produtor agropecuário de 41 anos, não possuía autorização do órgão ambiental para suinocultura e responderá por crime ambiental. A atividade foi paralisada e os porcos apreendidos ficarão à disposição da Justiça até o fim do processo.

Toda a documentação produzida será encaminhada ao Instituto de Defesa Agropecuária e Florestal (IDAF) para serem lavradas às multas pertinentes ao caso. A pena prevista para quem instala um serviço potencialmente poluidor sem autorização do órgão ambiental é a de detenção de um a seis meses e multa.