Declaração polêmica em vídeo de reunião entre vereadores e universitários causa indignação em rede social

MulinhaNa última segunda-feira 1 de julho, os vereadores se reuniram antes da sessão da câmara, com representantes dos ônibus dos universitários, para tratar da possível ajuda que poderia vir do poder executivo, bem como os vereadores poderiam contribuir para que essa ajuda realmente aconteça.

Durante a reunião os universitários expressaram as dificuldades encontradas por alguns alunos, por terem que arcar sozinhos com o transporte.

Os representantes do prefeito, os vereadores Mulinha (PTB) e Emerson Lima (PP), justificaram na reunião os motivos pelo qual o prefeito ainda não havia ajudado, e marcaram uma reunião para a próxima semana para que o assunto pudesse ser resolvido.

Só que durante essa argumentação, uma fala de Pablo Fernandes acabou esquentando os ânimos na sala. Na ocasião ele disse que não justificava o prefeito falar que estava economizando para a festa em outubro, já que tinham outras prioridades, como a ajuda ao abrigo e aos universitários.

Até que em um momento da discussão o vereador Mulinha disse uma frase no mínimo polêmica. Quando foi dito que caso os vereadores não se propusesse a ajudar, poderiam não o fazer e deixar com que a opinião pública decidisse. Ele respondeu: “A  opinião pública pra mim…”.

Apesar de não ter completado a frase, pelo tom e pela gesticulação, ele foi interpretado como se não se preocupasse com a opinião pública.

 “Aos 14:02 do video o vereador Mulinha diz: “A opinião pública para mim não conta”. Pasmo com essa declaração dada por um vereador .”  Disse um internauta.

Assista o vídeo e tire suas conclusões