Resumo da sessão na Câmara Municipal desta segunda (22/04)

Em denúncia, na sessão desta segunda-feira, 22/04, uma acusação dá conta de que na secretaria municipal de meio Ambiente tem um monte de gente a toa, que recebe sem trabalhar.

Outra diz que Cachoeirinha de Itaúnas está totalmente abandonado, lixo nas ruas, estradas abandonadas, iluminação pública deficitária, posto de saúde fechado, sem médicos e sem remédios, esgoto sendo jogado nos rios, entre outros.

Paulinho do Hospital está cobrando através de oficio ao prefeito que se coloque iluminação pública do Bairro Campo Novo até o Bairro Vila Nossa Senhora da Penha. De acordo com Paulinho o referido trecho está intransitável, além dos moradores estarem preocupados com o tráfico de drogas e assalto constantes.

Camatinha continua cobrando a reabertura do posto de saúde de Monte Sinai, com médicos e remédios, a promessa foi feita, mas segundo ele até o momento não foi cumprida pelo executivo municipal e nem pela secretaria municipal de saúde.

Mulinha chegou a dizer que o governo Renato Casagrande está dando com uma mão e tomando com a outra, se referindo a retirada da Agência da Receita Estadual de Barra de São Francisco que será levada para Colatina. Mulinha propôs uma reunião com a presença de vereadores e prefeitos da região com o secretario chefe da Fazenda do estado para mudar de ideia e deixar a referida agência no município. Mulinha afirmou ainda que se até o dia 30 deste mês a empresa Libra não resolver a questão do pagamento dos funcionários o prefeito irá rescindir o contrato com a mesma. Mulinha cobrou ainda o cancelamento de contrato entre a Cesan e o município de Barra de São Francisco.

Aloysio Alves cobrou ao chefe do executivo a reforma de quadra e construção de área de lazer nos Bairros Vila Vicente, Vila Santa Izabel e Vila Landinha. Solicitou ainda a aquisição de uma área para exposição e eventos para Barra de São Francisco.

Jessui da Cesan reclamou que as estradas do municio estão intransitável e não vê solução de imediato por parte da prefeitura.

Juvenal Calixto cobra do prefeito Luciano Pereira a instalação de uma torre de telefonia móvel no Córrego do Itá.

Lula Cozer cobra do prefeito e de sua equipe mais respeito, pois eles andam pregando em sua região que o Distrito de Santo Antonio (Tatu) não recebe nada porque ele está impedindo. Mulinha defendeu Lula ao dizer que quem anda fazendo tal comentário merece uma coça e que isso não é papel de gente séria e a população não deve acreditar nesse tipo de mentira a calúnia.