As pessoas mudam pelos encontros (por Bia Tannuri)

As pessoas mudam pelos encontros… Será?

Será que mudam ou se redescobrem, assumindo vertentes até então temidas e por isso escondidas?

Os encontros podem gerar a energia para que as “mudanças” se revelem, mas não para criá-las, se aparecem é porque sempre existiram apesar de ocultas.

Os encontros dão a mão as “mudanças” e a ajudam a sair da clausura que a falta de confiança as colocou.

Os encontros vêem com os olhos do coração e sentem com a energia da alma, por isso podem fornecer a luz para que as “mudanças” sejam reveladas e apresentadas com o brilho e frescor de novidade.

Os encontros capazes de realizar “mudanças” são os de alma que se procuram mesmo sem saber, mas com a certeza de que um dia se encontrarão.

As pessoas mudam pelos encontros, ou se deixam revelar em sua mais pura e crua essência fortalecida pela vitalidade que os encontros lhe fornecem aconchegando os seus “eus” aprisionados em seu próprio eu?

Os encontros transformam ou libertam? Criam ou revelam?

Nada do que não existe pode ser descoberto.

 

Bia Tannuri

biatannuri@gmail.com

http://biatannuri.blogspot.com/

27-02-2012