Uma festa incrível: Baile de 40 anos da Loja Maçônica Silas Costa Camargo foi um sucesso!!! Confira as fotos

Em Barra de São Francisco, a noite deste sábado, 26 de outubro de 2019, teve um brilho especial. Uma festa incrível, repleta de gente bonita e um clima de total descontração. Assim foi o Baile de 40 anos da Loja Maçônica Silas Costa Camargo.

O público dançou ao ritmo de novos e velhos sucessos, na voz do cantor André Moura e da Banda Dona Rosa.

Um data especial para nós que mereceu essa comemoração. Todos os irmãos estão de parabéns. Uma festa linda, incrível, com pessoas maravilhosas“, comentou o Venerável da Loja, Marcos Antônio Oliveira.

Neste mesmo dia, antes do baile, uma sessão especial reuniu maçons de diversas cidades. Entre os vistantes, o Grão-Mestre da Grande Loja Maçônica do Estado do Espírito Santo, Walter Alves Noronha, acompanhado de sua comitiva.

Silas Costa Camargo

Fundada em 1º de setembro de 1979 com ajuda de irmãos de Colatina, São Gabriel da Palha e outras cidades vizinhas, a Loja Maçônica Silas Costa Camargo teve como primeiro Venerável Mestre Abelar Bertoldo da Silva.

Com diversos trabalhos filantrópicos realizados nessas quatro décadas, a Silas Costa Camargo conseguiu se destacar na sociedade, conquistando credibilidade e reconhecimento entre os francisquenses. (Veja mais sobre a história da loja no final da página)

Se preferir, dê um play no vídeo abaixo e veja todas as fotos. 

Um pouco da história

Fundada em 1º de setembro de 1979 com ajuda de irmãos de Colatina, São Gabriel da Palha e outras cidades vizinhas, a Loja Maçônica Silas Costa Camargo teve como primeiro Venerável Mestre Abelar Bertoldo da Silva.

O nome da loja é uma homenagem a um irmão de São Gabriel da Palha, que faleceu precocemente em um acidente.

Jurisdicionada à Grande Loja Maçônica do Estado do Espírito Santo, a Silas Costa Camargo conta hoje com mais de 40 membros no quadro, que se reúnem todas as quartas-feiras. O atual Venerável Mestre é Marcos Antônio Oliveira.

Loja Maçônica Silas Costa Camargo, Barra de São Francisco, Espírito Santo

Em todos esses anos, diversos irmãos iniciaram na loja e cada um faz parte dessa história de sucesso. Vários deles se tornaram Venerável Mestre da Loja, alguns por duas ou mais vezes, coordenando os trabalhos e liderando os demais irmãos.

Com diversos trabalhos filantrópicos realizados nessas quatro décadas, a Silas Costa Camargo conseguiu se destacar na sociedade, conquistando credibilidade e reconhecimento entre os francisquenses. Muitas coisas boas aconteceram, um dos exemplos é o evento anual criado pela Loja, o Festival do Bode, que esgota todos os ingressos antes mesmo do dia da festa.

Veja mais sobre a Silas

 

Festa dos 40 anos

Marcos Antônio Oliveira

Para comemorar esta data especial, a Silas Costa Camargo realizou o Baile dos 40 anos, que atraiu centenas de maçons para a cidade, além de ser também aberto ao público não maçom.

A expectativa para a festa era grande e foi superada. “É um momento ímpar, uma data especial que ficará marcada na memória de todos os irmãos e amigos“, destacou o Venerável Marcos Oliveira.

Uma sociedade para homens livres e de bons costumes

A Maçonaria é uma sociedade que tem com princípios, que integrantes sejam homens livres e de bons costumes. Os membros se denominam mutuamente de irmãos, e cultuam a liberdade, a fraternidade e a igualdade entre os homens. Tem ainda como princípios a tolerância, a filantropia e a justiça.

A história conta que, o caráter secreto da Maçonaria deveu-se a perseguições, a intolerância e a falta de liberdade demonstrada pelos regimes reinantes da época.
Sendo uma sociedade iniciática, seus membros são aceitos por convite expresso e integrados à irmandade universal, por uma cerimônia denominada iniciação.

Curiosidades

A independência do Brasil foi decretada e solicitada a Dom Pedro I, em uma sessão Maçônica, realizada em 20 de agosto de 1822. Este dia é dedicado ao Maçom brasileiro.

O Marechal Deodoro da Fonseca, iniciado na Loja “Rocha Negra” de São Gabriel, Rio Grande do Sul, proclamou a república em 15 de novembro de 1889.

Origem da Maçonaria

A maçonaria começou como uma sociedade secreta que surgiu vinculada às ideias do laicismo humanitário e liberal do iluminismo.

O berço da Maçonaria foi na França e Inglaterra, durante a idade Média. A primeira Grande Loja de Maçonaria foi criada na Inglaterra em 1717, e unia as quatro lojas londrinas. O líder eleito era conhecido como Grão-Mestre. Aberta a todos as crenças religiosas, a Maçonaria se estendeu a todo o Continente europeu.

No final do século XVIII já existiam 700 lojas em França, compostas por grande quantidades de nobres e membros da classe média e do clero, apesar dos Papas Clemente XIII e Bento XIV terem proibido a maçonaria em 1738 e 1751.

A primeira Loja Maçônica do Brasil foi fundada em Salvador, Bahia, em 1724, e foi a partir daí, que os maçons, passaram a iniciar no país, seus ideais de igualdade e liberdade.

Simbologia

O símbolo da maçonaria remete aos instrumentos dos trabalhadores que, na Idade Média, dominavam as técnicas de construção em pedra.

1- O compasso, que desenha círculos perfeitos, representa a busca da perfeição pelo homem

2- A letra G, no centro de tudo, vem de God, “Deus” em inglês. Para os maçons, é Ele o Grande Arquiteto do Universo

3- O esquadro, que forma ângulos retos, lembra que o homem deve levar uma vida igualmente reta: ética e honesta