Polivalente de Barra de São Francisco pode ser tornar “Escola Viva”

A Secretaria Estadual de Educação (Sedu), liberou recursos de R$ 2.681.361,52, para construção de uma quadra poliesportiva e diversas outras intervenções na Escola Estadual de Ensino Fundamental e Médio Governador Lindenberg, mais conhecida como Polivalente, no bairro Irmãos Fernandes, em Barra de São Francisco.

A reforma da escola, construída em meados da década de 70 pode ser o pontapé inicial para a transformação da mesma em Centro Estadual de Ensino Médio em Tempo Integral (Ceemti), como funciona hoje a Escola João XXIII.

Inicialmente chamada de Escola Viva, no governo Paulo Hartung, a Escola de Tempo Integral mudou o conceito da Educação no Estado. O nome Escola Viva tornou-se sinônimo do modelo educacional no Espírito Santo.

O governador Renato Casagrande tem sinalizado que irá ampliar o ensino de tempo integral no Estado. Com a conclusão da reforma, professores, funcionários e alunos ficam na expectativa para que o Polivalente seja a próxima “Escola Viva” de Barra de São Francisco.

Veja também

João XXIII de Barra de São Francisco não é mais ‘Escola Viva’