EUA: homem que morreu há 22 anos é encontrado com a ajuda do Google Earth

Resultado de imagem para Google Earth

Um carro submerso em um lago vem chamando a atenção do mundo todo, porque dentro do veículo se encontrava os restos mortais de um homem que desapareceu há 22 anos nos Estados Unidos. O carro foi localizado graças ao Google Earth, e finalmente a família soube o que de fato aconteceu com William Moldt.

O homem foi dado como morto em Lantana, Flórida, no dia 7 de novembro de 1997. William tinha 40 anos quando desapareceu, e a família sempre esperou que ele voltasse para casa, mas os anos foram passando e a esperança foi dando lugar ao desespero e a certeza que algo de pior teria acontecido.

William saiu uma noite para ir a uma boate e nunca mais voltou para a casa. A polícia até chegou a abrir um inquérito sobre o desaparecimento, mas as investigações acabaram não avançando e o caso foi dado como encerrado. Ninguém sabia dizer onde o homem poderia ter ido, não havia uma só testemunha que desse alguma pista e a polícia desistiu de continuar procurando por ele.

Mas no dia 28 de agosto do mês passado, a polícia finalmente recebeu uma informação que poderia levar ao desaparecido; e isso realmente aconteceu. Alguém descobriu que havia um carro submerso em um lago em Moon Bay Circle, Wellington, na Flórida; e os policiais foram até lá para conferir. O veículo foi retirado do lago e dentro havia os restos mortais de um homem.

Depois de uma semana foi confirmado que se tratava de William Moldt. O homem só foi localizado, porque alguém foi pesquisar no Google Earth e notou algo no lado que parecia ser um carro. Esta pessoa ligou para o amigo, que mora bem próximo ao lago e disse o que havia descoberto no Google Earth; e este, por sua vez, notificou as autoridades.