ES: taxista é agredido após negar programa como pagamento de corrida

Um taxista de 50 anos relatou ter sido agredido por uma travesti, na madrugada deste sábado (28), no bairro Santos Dumont, em Vitória. Além das agressões, o homem disse ter sido ameaçado e teve o veículo danificado, após recusar receber o pagamento da corrida em forma de programa.

Segundo a vítima, a travesti ficou inconformada com a recusa e pegou as chaves no carro no momento do desembarque, além de atirar uma pedra no para-brisa e ameaçar o motorista.

O taxista então chamou os dois filhos, que foram ao local tentar ajudar a negociar com a suspeita. A Polícia Militar foi acionada e a travesti foi encaminhada para a Delegacia Regional de Vitória.

Fonte: TV Vitória