Polícia Ambiental apreende pássaros silvestres no Norte do Espírito Santo

Na manhã desta quarta-feira (03), policiais militares da 3ª Companhia do Batalhão de Polícia Militar Ambiental (BPMA), receberam denúncias anônimas que resultaram na detenção de quatro pessoas e apreensão de 27 pássaros da fauna silvestre que eram mantidos em cativeiro. As ações ocorreram em residências dos municípios de Montanha e Pinheiros.

Em Montanha, uma senhora e um senhor mantinham os pássaros em suas residências sem as devidas autorizações dos órgãos ambientais. Eles foram detidos e encaminhados para o departamento policial local.

Já em Pinheiros, 12 pássaros silvestres foram apreendidos. Os acusados foram encaminhados mediante Termo de Compromisso para Juizado Especial Criminal de Pinheiros.

O comandante da 3ª Companhia Ambiental, capitão Fabrício Pereira Rocha, alerta a população que manter pássaros em cativeiro, sem autorização dos órgãos ambientais, constitui crime previsto no Artigo 29, III da Lei 9.605/98 (Lei de crimes ambientais) e que a ação somente obteve sucesso graças ao apoio da comunidade que denunciou os infratores, o que possibilita o retorno de dezenas de pássaros ao seu habitat natural.