Ótima notícia para as mamães: Hospital de Barra de São Francisco vai ofertar vacinas para recém-nascidos

HOSPITAL DR. ALCEU MELGAÇO FILHO INOVA E OFERECE SERVIÇOS DIFERENCIADOS AOS SEUS USUÁRIOS

O Hospital Dr. Alceu Melgaço Filho, em Barra de São Francisco, mais uma vez sai na frente e surpreende o usuário SUS com entrega de serviços nunca executado em sua unidade.

Sempre buscando parcerias em busca de garantir o acesso ao melhor serviço, o Hospital Dr. Alceu Melgaço Filho, Secretaria Municipal de Saúde de Barra de São Francisco e a Superintendência Regional de Saúde de São Mateus, reuniram através dos seus colaboradores, Chefe da imunização da Rede Estadual, Enfermeira Verônica Tomaz, do coordenador da sala de vacina da rede municipal, Enfermeiro Sales Júnior, Enfermeira chefe da Maternidade Luciana Sabadin e a Coordenadora Geral de Enfermagem, Enfermeira Lorena Lacerda, com o objetivo de implantar protocolo de vacina nos recém-nascidos no ambiente hospitalar.

Agora a maternidade do Hospital Dr. Alceu Melgaço Filho vai ofertar duas vacinas que são preconizadas pelo Programa Nacional de Imunização, a saber a BCG (que protege contra formas mais graves da tuberculose) e a hepatite b.

O protocolo diz que a primeira dose deve ser realizada ao nascer e ou até 12h após o parto.

Antes as mães recebiam alta hospitalar e tinham que correr atrás para vacinar o seu bebê em até 12 horas, o que agora é feito dentro do próprio hospital antes da alta hospitalar, proporcionando segurança e comodidade a mãe e ao bebê“, destaca o Diretor Geral do Hospital, Gustavo Lacerda.

De acordo com a Superintendência Regional de Saúde, esse é um projeto simples e de fácil execução e que dependia unicamente da adesão por parte do Hospital Dr. Alceu Melgaço Filho que prontamente se disponibilizou e contou com a parceria da Secretaria Municipal de Saúde.

É um benefício para os bebês que serão vacinados e não mais precisarão de enfrentar filas para receber as doses em seus municípios.

Gustavo Lacerda destaca ainda que outro teste muito importante foi implementado como rotina nos bebês antes da sua alta hospitalar. “Trata-se do teste do Coraçãozinho, que detecta precocemente algumas cardiopatias que são importantes para o tratamento“, explica Gustavo.

O diretor finaliza dizendo que a sua equipe está em constante busca de novos serviços para oferecer aos usuários. “Trabalhamos sempre pensando no usuário SUS“.