A secretaria de saúde de Vila Velha confirmou a morte de um idoso de 91 anos por supergripe. Segundo a prefeitura, a morte aconteceu no mês de março e a causa do óbito foi confirmada por laudo médico epidemiológico. Esta é a primeira confirmação de morte por supergripe no Espírito Santo em 2019.

A secretaria informou ainda que outros seis pacientes foram diagnosticados para influenza A (H3N3) e outro paciente foi diagnosticado com influenza B no município. Já a Secretaria de Estado de Saúde (Sesa), informou  16 casos da supergripe confirmados este ano. Destes casos, 12 são por influenza A e outros quatro por influenza B.

Foto: Marcello Casal Jr/Agência Brasil

Prevenção
A Campanha Nacional de Vacinação Contra a Gripe teve início no dia 10 de abril. A segunda fase da campanha começou na última segunda-feira (22). Podem receber a vacina os pertencentes ao grupo de risco, que são Trabalhadores da saúde, indígenas, puérperas (mulheres até 45 dias após o parto), idosos, professores de escolas públicas e privadas, pessoas com doenças crônicas ou imunidade baixa, jovens sob medidas socioeducativas, funcionários do sistema prisional, pessoas privadas de liberdade e profissionais das forças de segurança e salvamento (policiais, bombeiros e membros ativos das Forças Armadas), além de crianças com idade entre 1 e 6 anos incompletos e grávidas em qualquer período gestacional.