Internada no hospital de Nova Venécia, Sidneia Flegler Velloso, de 59 anos, faleceu  em consequência de traumatismo craniano. De acordo com exame cadavérico, ela sofreu lesões na cabeça causadas por objeto contundente e, agora, a suspeita é que tenha sido vítima de feminicídio.

Após ficar internada por dezenove dias, Sidneia Flegler Velloso faleceu no dia 30 de janeiro. Ela foi levada ao hospital pelo próprio marido. O homem teria informado à equipe médica que o ferimento foi decorrente de uma queda.

A informação de que o marido seria o responsável pela morte da mulher teria vindo de dentro do hospital, após relato da própria vítima. Diante dessa revelação, uma medida protetiva chegou a ser expedida contra o marido de Edneia Velloso e um inquérito foi instaurado para apurar o caso.

Com informações da repórter Rafaela Freitas, da TV Vitória/Record TV