Um jovem de 21 anos foi preso por tráfico de drogas em Santa Maria de Jetibá, na região Serrana do Espírito Santo, nessa quarta-feira (13). Valdinei Braun foi condenado a três anos de detenção. Segundo a polícia, na adolescência o rapaz foi destaque em competições estaduais e nacionais de matemática e soletração.

Segundo delegado de Santa Maria de Jetibá, Fabrício Lucindo, o jovem começou a usar drogas e, para sustentar o vício, vendia entorpecentes.

Ele foi preso no distrito de Recreio, em Santa Maria de Jetibá, após um mandado de prisão.

Prodígio

Segundo a polícia, na adolescência, o jovem tinha se destacado pela inteligência e ganhou uma bolsa para fazer um curso de inovações científicas.

Ele era considerado um menino prodígio da região. Com 12 e 13 anos, ele ganhou olimpíadas de matemática na escola, no município e ficou muito bem classificado na etapa estadual”, contou o delegado.

O jovem também ganhou as etapas escolares, municipais e estaduais e participou da final do concurso Soletrando, do Caldeirão do Huck, da Rede Globo.

Vício

Durante o depoimento, o suspeito contou ao delegado que começou usando maconha, depois passou para cocaína e depois para outras drogas sintéticas. Depois de ficar viciado em drogas, o jovem começou a traficar para pagar os entorpecentes.

Ele disse que há oito anos faz uso de algum material entorpecente todos os dias. Já se internou, mas voltou a usar drogas. Atualmente, segundo ele, faz uso de cocaína e maconha”, informou o delegado.

O suspeito foi preso e condenado a três anos. Após os trâmites legais, o jovem foi encaminhado ao Centro de Triagem de Viana (CTV).