O prefeito de Barra de São Francisco, Alencar Marim, juntamente com o Secretário Municipal de Desenvolvimento, Júnior Borém, participaram do último dia da solenidade de abertura da 47ª Feira Internacional do Mármore e Granito – Vitória Stone Fair 2019, que aconteceu no Pavilhão de Carapina, na Serra.

Na ocasião, o prefeito e o secretário prestigiaram os stands de grandes empresários da região e puderam vislumbrar as novidades para o setor de rochas ornamentais.

Veja também: Barra de São Francisco é destaque na Vitória Stone Fair 2019; confira as fotos

A FEIRA

A feira reuniu 300 expositores e contou com cerca de 15 mil visitantes.

A Vitória Stone Fair é uma iniciativa do Sindicato da Indústria de Rochas Ornamentais, Cal e Calcários do Espírito Santo (Sindirochas) e da Milanez e Milaneze. O evento tem participantes de países como China, Coreia do Sul, Itália, Espanha, Índia, Portugal, Rússia e Bulgária.

SETOR DE ROCHA ORNAMENTAL

O Brasil fechou o ano de 2018 como 4º maior exportador mundial de pedras naturais, sendo responsável por 7% da produção mundial do setor de rochas.

O Espírito Santo é líder nas exportações de rochas ornamentais. Em 2018, permaneceu na hegemonia de principal estado exportador brasileiro, respondendo por US$ 791,3 milhões das exportações, o equivalente a 79,37% do total de faturamento do país e cerca de 8% do PIB estadual. Isso é mais do que a soma do todos os outros estados exportadores.

No ranking das 30 maiores empresas exportadoras do setor em todo Brasil, 28 delas são capixabas.

Em 2018, os três principais destinos das rochas brasileiras foram: Estados Unidos, China e Itália, respectivamente.

Apesar da retração registrada nas exportações para o mercado americano, a China aumentou o consumo dos nossos produtos elevando em 33,4% sua importação de 2015 para 2018.

O destaque do Espírito Santo não é apenas no tipo de materiais, mas em toda cadeia produtiva que atua na transformação do produto. O setor gera 25 mil empregos diretos e 100 mil indiretos, e o número de empresas no Estado chega a 1.600.

O setor está presente nos 78 municípios do Espírito Santo e exporta para os 5 continentes. Mais de 90% dos investimentos do parque industrial brasileiro do setor estão no Espírito Santo. 2/3 da produção nacional é destinada ao mercado interno.

São mais de 1.200 variedades de rochas ornamentais encontradas em solo brasileiro e exploradas por 10.000 empresas instaladas por todo o território nacional.