Por iniciativa da presidência da Câmara Municipal de Vereadores, aconteceu nesta manhã de terça-feira dia 26, um encontro entre a diretoria da CDL – Câmara de Dirigentes Lojistas, Anpo e Polícia Militar. A pauta envolveu diversos aspectos relacionados ao desenvolvimento do município, principalmente sobre segurança e estacionamento rotativo

O superintendente da CDL, Ilton de Oliveira, apresentou inicialmente uma série de reivindicações a serem feitas junto a órgãos municipais, estaduais e federais, com destaque para os setores do estacionamento rotativo e sistema de videomonitoramento do perímetro urbano.

Representando a Polícia Militar, estiveram presentes o Comandante da 1ª Companhia do 11º Batalhão, Capitão Renzo Caser e o Tenente Subchefe de Planejamento do 11º BPMES, Vitor Prates Ribeiro. Os militares ouviram atentamente as explanações sobre a implantação do sistema de vigilância e apresentaram algumas propostas, bem como a possibilidade de um projeto que já está pronto para ser executado, dependendo de recursos.

O presidente da CDL, Elias Mauricio, falou que a entidade que preside está interessada em auxiliar as autoridades a empreenderem projetos que venham a beneficiar a coletividade, principalmente geram empregos e renda. Elias defendeu a necessidade de apoio por parte da Prefeitura e da Câmara, para as campanhas da CDL, além de pautar prioridades ligadas a área de segurança.

O vice-presidente da CDL Gilson Monteiro, argumentou que a implantação dos sistema rotativo para o trânsito, precisa sair do papel e ganhar corpo, já que a falta de vagas para estacionamento, tem prejudicado os comércios ao longo das avenidas Jones dos Santos Neves e Prefeito Manoel Vilá.

Para o presidente da Câmara Municipal, vereador Juvenal Calixto, que foi o autor do convite para o encontro de empresários e autoridades, a reunião foi uma forma de mostrar que o Poder Legislativo está preocupado com a segurança dos cidadãos e de como poderá colaborar para empreender projetos voltados para o setor comercial.

Juvenal Calixto defendeu que as parcerias devem existir para o crescimento do município, bem como encontrar soluções para os problemas que surgem. Para ele, a falta de vagas de estacionamento, a questão de como será gerenciado um provável rotativo, deve envolver a Prefeitura Municipal já que existe a viabilidade da municipalização do trânsito, o que daria poder de fiscalização ao município.

Com relação ao sistema de videomonitoramento, Juvenal Calixto e o vereador Emerson Lima que também participou do encontro, defenderam a iniciativa de buscar recursos nas esferas estadual e federal, inclusive sendo citado que o secretário especial da Casa Civil em Brasília, Carlos Manato e os parlamentares federais capixabas, deverão em breve estar recebendo uma comitiva direcionada a viabilizar o projeto.

Marcaram presença ainda no encontro, os empresário Márcio Moreira e Fábio Agapito, Ricardo Madureira que representou a Anpo, o procurador da Câmara Municipal, Luciano Moura e o ex-prefeito Waldeles Cavalcante.

*Texto/fotos ASCOMCMBSF