O número de notificações de casos suspeitos de dengue no Espírito Santo já chega a 6.260, de acordo com dados do boletim epidemiológico divulgado nesta quinta-feira (21) pela Secretaria de Estado da Saúde (Sesa). A taxa de incidência da doença está alta em três municípios.

Por isso, a Sesa reforça o alerta à população para cuidados simples no dia a dia que evitam a propagação do mosquito transmissor, já que melhor forma de prevenção da dengue, zika e chikungunya é evitar a proliferação do Aedes aegypti.

Para isso, é preciso eliminar ambientes com água armazenada que podem se tornar possíveis criadouros, como em vasos de plantas, galões de água, pneus, garrafas plásticas, piscinas sem uso e sem manutenção, e até mesmo em recipientes pequenos, como tampas de garrafas. Também é recomendada a manutenção de calhas, instalação de telas em ralos e que mantenham caixas d’água e outros depósitos bem fechados.

Sintomas da dengue

Os principais sintomas da dengue são febre alta, dores musculares intensas, dor ao movimentar os olhos, mal-estar, falta de apetite, dor de cabeça e manchas vermelhas no corpo. Em caso de suspeita é fundamental procurar um profissional de saúde.