Por Serli Santos, TV Gazeta

O jovem Adriano Rangel, de 20 anos, morreu por volta de 4h da manhã deste sábado (29), quando passava pela BR-101, em Linhares, Norte do Espírito Santo. Adriano era travesti.

A Polícia Rodoviária Federal não gravou entrevista, mas informou que o travesti foi atropelado duas vezes. A primeira por um veículo comum que passava pela BR e, depois, por uma viatura da Polícia Militar que vinha logo atrás.

O corpo de Adriano foi levado para o Serviço Médico Legal de Linhares. A família preferiu não se manifestar.