Rock and roll Capixaba nas Alturas: De família do Noroeste capixaba para o mundo

O rock’n’roll é um estilo musical contagiante e histérico. Tem que se firmar pelo volume. Um bom rock tem que ser ouvido em potência máxima, nas alturas. E um capixaba tem levado isso ao pé da letra: ele não só ouve como também toca rock nas alturas.

Francis Lima e Band Rolls-Rock Festa de fim de ano do SBT SP

Por Paulo Marcos Loyola

De família do Noroeste capixaba, o músico Francis Lima, 30 anos, natural de Vitória ES, saiu de casa muito cedo para tentar a vida em outro estado. Seu pai Francisco Lopes Rouxinol e seus avós Augusto Lopes e Adina Rouxinol, são naturais da cidade de Água Doce do Norte, aqui na região noroeste do Espírito Santo. No início, os pais Francisco e Rozilenia foram contra. Mas para ir atrás do seu sonho, Francis inventou uma pequena mentira: que já tinha um trabalho certo. Aí os pais deram aquela moral e, como um legítimo capixaba, Francis foi literalmente para o rock. Arrumou a mochila, seus pratos e baquetas, e com apenas 200 reais pegou o buzão e pocou fora rumo a Sampa. Saltou na rodoviária do Tietê e ficou impressionado. ! Que chapoca de cidade! É tanto carro, tanta gente, que chega a dar gastura.

Francis Lima

Atualmente morando em São Paulo, Francis tem feito muito sucesso como baterista da banda de pop/rock Rolls Rock. Fundada em 2002, a banda conta com experientes músicos da noite paulistana e se apresentam em diversas casas de espetáculo no Estado de São Paulo.

Além do sucesso como músico na terra da garoa, Francis tem chamado a atenção dos brasileiros, e principalmente dos capixabas, não somente pelo seu talento musical e pelos solos de bateria que são a sua marca, mas também por seus vídeos na internet. O que mais chama a atenção são os locais escolhido para a gravação desses vídeos.

Francis Lima Visão geral da Pedreira Rio Doce em Joana D’Arc Vitória ES

O roqueiro tem usado os pontos turísticos da sua cidade natal. O último, que acaba de ficar pronto, foi gravado no Morro do Moreno, uma formação rochosa, de 184 metros de altura, próximo a outros dois pontos muito conhecidos: a Terceira Ponte e o Convento da Penha. Antes, o artista tinha feito um clipe em uma pedreira desativada na capital capixaba, a pedreira Rio Doce, no bairro de Joana D’Arc.

Você pode conferir todos os vídeos no canal do Youtube. Clique aqui

Francis contou que a ideia do clip surgiu do nada. “Eu estava saindo de férias e ia para Vitória descansar com a família“. Nesse período ele havia fechado um patrocínio com uma nova fornecedora de pratos e precisava fazer um vídeo promocional.  “Tinha que ser algo novo. Não queria fazer em estúdio, ou algo do tipo. Aproveitando que estava em Vitória, comecei a pesquisar lugares com amigos que fazem trilha. Dentre as várias opções que me deram a que achei mais legal foi a da pedreira, que foi o primeiro que fiz“.

Francis Lima

O menino, que sempre sonhou em voar alto, iniciou na música improvisando seus próprios instrumentos com panelas, caixotes e baldes, e fazendo baquetas com galhos de goiabeiras. Começou a trabalhar profissionalmente com música tocando em diversas bandas do cenário capixaba: Hoira, Itametal, Big Foot, e outras. Aos 20 anos, recebe um “convite”, na realidade era sem compromisso, para ir trabalhar em São Paulo na banda Resurrector do Guarujá, onde ficou por pouco tempo. Logo foi para capital onde trabalhou como roadie de bandas mais conhecidas, entre elas Shaman, Tarja, Turunem, Angra e Sepultura. Depois deixou a vida de roadie e começou a fazer aquilo que realmente gosta: tocar bateria e viver da música. Por dois anos toquei com o cantor e compositor Betto Luck, ao mesmo tempo, tocava na banda Pop Belle, com quem fiz vários programas de TV, na MTV, em seguida fui para a Rolls Rock onde estou até hoje.

Banda Rolls- Rock

Hoje sou feliz por tudo que conquistei, sei que ainda estou no início. Tenho muito trabalho pela frente, amo o que faço, tenho pessoas maravilhosas do meu lado. Estou vivendo um momento maravilhoso na minha vida. A minha banda faz uma média de 20 shows por mês. Estou feliz por completo, agradeço a Deus pela música ter entrado na minha vida”.

E quem pensa que Francis vai parar por ai. Está enganado!  Ele já esta planejando o novo clipe, e já tem dois locais prováveis: Que poderá ser na Pedra dos Olhos em Tabuazeiro ou Capitólio, Minas Gerais.  Grandes sonhos, grandes projetos.