Em junho deste ano, Tirulipa foi confundido com Daniel e a notícia se espalhou pelo Brasil. Com tamanha repercussão, o humorista usou as redes sociais para desmentir, em tom de comédia, os boatos de que tinha sido preso e criou uma paródia, que bombou na internet.

Suspeito é preso por roubo de carro em Jardim Camburi, em Vitória (Foto: Foto Leitor)

Por Laila Magesk, Gazeta Online

Pouco mais de dois meses depois de ser preso por assaltar uma mulher, em Vila Velha, o criminoso, sósia do humorista Tirulipa, assaltou outra mulher e acabou atrás das grades de novo.

Desta vez, ele participou de um roubo de veículo no bairro Jardim Camburi, em Vitória, nesta quarta-feira (23).

O criminoso, sósia do filho do deputado federal Tiririca, estava com dois comparsas. Um fugiu e o outro acabou baleado.

Veja também:

Tirulipa é confundido com assaltante preso no ES e faz “desabafo” no facebook

A Secretaria de Estado da Justiça (Sejus) informou que, pelo primeiro crime, Daniel Siqueira Ventura, 24 anos, deu entrada no sistema prisional no dia 6 de junho deste ano e foi liberado, por decisão da Justiça, no dia 8 do mesmo mês.

Em decisão da audiência de custódia, realizada no dia 6, Daniel teve o benefício de liberdade provisória com pagamento de fiança no valor de R$ 300,00. Dois dias depois, foi expedido o alvará de soltura.

Tirulipa

Em junho deste ano, Tirulipa foi confundido com Daniel e a notícia se espalhou pelo Brasil. Com tamanha repercussão, o humorista usou as redes sociais para desmentir, em tom de comédia, os boatos de que tinha sido preso e criou uma paródia, que bombou na internet.

Paródia de Tirulipa sobre comparação com bandido do ES bomba na web (Foto: Reprodução/ Youtube)

Tirulipa compartilhou uma notícia que o apontava como autor do roubo de um carro. “Gostava tanto do Everson De Brito Silva Tirulipa, mas entrou na vida errada”, dizia a postagem.

O autor da publicação parecia ironizar os traços físicos do comediante que lembravam os do bandido.

“Gente, pelo amor de DEUS, esse não sou eu. Estou recebendo muitas mensagens de amigos preocupados e mandando essa foto dizendo que eu entrei no crime. Pelo amor de Deus, esse não sou EU NÃOOO”, escreveu o comediante, que pediu o fim dos compartilhamentos da foto com o seu nome.

Segundo ele, “até a mamãe acordou assustada” com a confusão e avisou ao humorista que “colocaria um advogado bom” no caso dele.

Na época, Tirulipa frisou que estava em São Paulo para as gravações de um filme. O desmentido também ‘viralizou’ nas redes.

Crime em Jardim Camburi

O carro alvo do trio, modelo Ônix de cor branca, pertence a uma vendedora de 23 anos. Ela estacionou o veículo em frente à loja que trabalha na Rua Carlos Martins, saiu do veículo e entrou no portão de acesso ao estabelecimento.

“Antes que eu fechasse, um deles se aproximou, empurrou o portão e puxou a minha bolsa. Eu segurei e passei a gritar por socorro. Ele puxou ainda mais forte, até quebrar a alça e conseguir levá-la”, contou a vendedora.