No último dia 04 e 08 de novembro, a TVE por meio do programa Curta Vídeo, apresentado pela jornalista Brunella Alves, recebeu o cineclubista e cineasta, Luciano Guimarães de Freitas.

sitebarrabarradesaofranciscoimg_09230

Na oportunidade Luciano, abordou sobre o Projeto Olhares, desenvolvido pelo Programa Mais Cultura nas Escolas – Ministério da Cultura, como iniciativa parceira, na Escola Estadual Olegário Martins, no Município de Água Doce do Norte.

Após a entrevista foi apresentado o filme “Entre Montanhas”, realizado por alunos participantes do Projeto, que resgata memórias populares no Distrito de Santa Luzia do Azul. Na entrevista ele também comenta sobre o filme “Uma Escada em Minha Vida” realizado durante o Projeto Mais Cultura nas Escola Governador Lindenberg, em Barra de São Francisco.

Luciano traz um breve relato sobre o filme e projeto, perspectivas para continuidade das atividades, e o SiteBarra disponibiliza aqui a Entrevista e o Filme, para que as pessoas que não puderam acompanhar na TV possam ter acesso ao material.

A apresentação na TVE foi a última etapa de um projeto que desenvolveu oficinas de cineclubismo, formando o Cineclube Olegário Martins, e de Produção Audiovisual, utilizando-se da produção de filmes como ferramenta lúdica para aprofundar reflexões sobre as realidades vivenciadas pela população e como resgate das memórias populares.

sitebarrabarradesaofranciscodscf02060O Programa Curta Vídeo cumpre um importante papel de difusão da cultura capixaba, dando espaço para a difusão e valorização do cinema e da cultura capixaba.

Sobre o Projeto Olhares, ele traz uma rica trajetória de atividades, iniciamos no Município de Águia Branca no ano de 2012 pelo Rede Cultura Jovem, em 2013 continuamos as atividades pelo Fundo Estadual de Cultura e em 2014 o Projeto foi base para o Cine Fusca que circulou três municípios Mantenópolis, Governador Lindenberg e Águia Branca. Chegamos a Água Doce do Norte, atuando em Santa Luzia do Azul, comunidade com lindas paisagens, aonde se potencializado o turismo, poderia ser a nossa “Domingos Martins”. Pretendemos em 2017 expandir as atividades para outros Distritos do Município, atuar no resgate das identidades e memórias, e na formação do olhar dos jovens, diante de sua cultura e vivências.

sitebarrabarradesaofranciscoimg_03320Precisamos avançar no diálogo regional, entendermos a importância da cultura na formação do jovem, e entender a cultura como vetor de desenvolvimento, seja social, seja na educação, mas também econômico. Pretendemos neste 2017 circular os Municípios e propor a criação de um Consórcio Regional de Cultura, que pode ser um modelo para lidar com a atual crise financeira que vivencia as cidades, e não deixarmos de potencializar e investir em cultura. Consórcios de gestão, já são modelos adotados em outros Estados, e no ES, em outras áreas como o meio ambiente. É uma possibilidade de Gestão Compartilhada entre os Municípios e de potencializar uma rica difusão e integração regional. Imagina os músicos de Barra de São Francisco apresentando em Água Doce do Norte, os Grupos Folclóricos na Região circulando nas cidades, e esta produção de filmes e circuito de cineclubes se difundindo no campo regional. Somando-se a isso, imagina o povo tendo acesso à cultura, e nas apresentações Feiras de Artesanato nas praças, contribuindo para o desenvolvimento da economia criativa. Este é um sonho possível, se Sociedade Civil e Poder Público começarem a dialogar e se propor a estas atividades.

sitebarrabarradesaofrancisco13241294_1161599413872739_5359778071153679845_n0

Eu sou de um tempo, que havia gincanas entre os bairros de Barra de São Francisco, e isto possibilitava ricos momentos de integração popular, aquela época contribuiu para minha formação cidadã, algo que foi potencializado quando iniciei no cineclube, que me formou enquanto público, e formou o meu olhar enquanto cidadão.”, destaca Luciano.

Veja nos vídeos abaixo, a matéria na TVE e o Filme “Entre Montanhas” na versão média metragem. O Filme Entre Montanhas está disponível para ser baixado e utilizado pelas escolas, assim como o Filme Uma Escada em Minha Vida.

Entrevista, Matéria na TVE e Filme:

 

Uma Escada em Minha Vida, filmado em Barra de São Francisco, com a Escola Governador Lindenberg:

 

Entre Montanhas – Versão média – 35 minutos