fb036fa7612e6e887b3ca61268173f30Lenda do boxe e atleta mais bem pago do planeta, Floyd Mayweather venceu o prêmio “ESPY Award”, promovido pelo canal de TV americano ESPN durante três anos consecutivos, mas em 2015 o multicampeão mundial da nobre arte perdeu o prêmio de “Melhor Lutador” para a campeã dos galos (61 kg) do UFC, Ronda Rousey. Mas Mayweather não perdeu a marra habitual, provocando a campeã com as cifras milionárias que fez em sua última luta, contra Manny Pacquiao.

Durante a cerimônia de entrega do prêmio, realizada no mês passado, em Los Angeles (EUA), a campeã do UFC fez questão de mandar um recado ácido para o seu maior concorrente.

“Não posso evitar, mas dizer que imagino como o Floyd se sente tendo sido batido por uma mulher uma vez. Gostaria de vê-lo fingir que não sabe quem eu sou agora”, disse Rousey, fazendo referência ao histórico de violência doméstica do pugilista, e a uma declaração concedida por Mayweather em 2014, quando alegou não saber quem era Ronda Rousey.

Em recente entrevista à ESPN americana, o campeão de boxe parabenizou Ronda Rousey, mas não perdeu a oportunidade de dar uma cutucada na compatriota.

“Há pouco tempo eu não sabia quem era Ronda Rousey, ela ficou chateada. Quero dizer que parabenizo a ela e ao UFC. Vocês têm feito um ótimo trabalho. Eu já ganhei uns seis ou sete ESPYs, acho que ela merece. Eu ainda estou para ver um lutador de MMA, ou outro pugilista, ganhar US$ 300 milhões (mais de R$ 1 bilhão) em 36 minutos. Quando ela ganhar isso, aí pode me ligar”, provocou.

Aos 38 anos e com um cartel invicto após 48 apresentações como profissional, ‘Money’ fará sua última luta prevista no contrato, em 12 de setembro, diante de Andre Berto, no MGM Grand Arena, em Las Vegas (EUA). Em caso de vitória, igualará a marca de Rocky Marciano, peso-pesado que se aposentou sem nenhuma derrota e com 49 triunfos.

Já a campeã dos galos (61 kg) do UFC, Ronda Rousey está invicta em 12 combates e fará a sua sétima defesa de cinturão diante de Miesha Tate, em luta que ainda não tem data nem local para acontecer.