Dee Stein resolveu, nos anos 90, acompanhar a moda que estourou na época: implantar silicone nos seios. Mas ela passou um pouco do limite e pagou por isso anos depois: dona de 13,5 quilos de silicone, ela terá que tirar as próteses antes que elas estourem.

b4242850-1e9f-11e5-ad04-6b70a63dbfe6_deestein_div_botched_e_03

Vinte anos após o implante, os superemos começaram a dar problemas. Hoje, ela tem 53 anos e viu a prótese esquerda estourar. Para evitar o mesmo destino para o lado direito, resolveu tirar o exagero que carregava em seu seio.

“Quanto maior, melhor para os negócios. Mas agora cheguei em um momento em que foi agonizante demais, foi triste demais ver o lado direito doendo e o outro como um desastre, totalmente murcho e sem beleza alguma”, afirmou Dee, que era dançarina.

A cirurgia de remoção foi um sucesso e Dee passa bem. Ela, agora, tem os seios bastante simétricos e, principalmente, sem perigo algum de explosão.