Acidente-São-Domingos-678x352Um caminhoneiro de 40 anos morreu em um acidente ES-080, nesta sexta-feira (22), por volta de 11h, próximo a São Domingos do Norte, no Noroeste do Espírito Santo. A pista do local foi interditada por 3 horas e causou engarrafamento.

O motorista Marcelo Pereira da Silva morreu no local. De acordo com a Polícia Militar, ele teria perdido o controle do veículo ao fazer curva.

A cabine ficou destruída e a carreta parou com as rodas para cima. As pedras foram parar na vegetação às margens da rodovia. O impacto da batida foi tão forte que o asfalto foi danificado.

O acidente aconteceu no quilômetro 191 da rodovia. Os bombeiros e a perícia já conseguiram retirar o corpo cerca de 3 horas depois. Foi preciso esperar a ajuda de uma máquina para o resgate. A pista ficou totalmente interditada e houve congestionamento.

“Com a ajuda da máquina, nós conseguimos erguer o chassi, levantar a cabine e aí assim ter acesso ao corpo da vítima”, explicou o sargento Brocco do Corpo de Bombeiros.

Segundo o caminhoneiro Ronison Pessoa, amigo da vítima, Marcelo era de Cachoeiro de Itapemirim e fazia esse trajeto há quase 20 anos.

“Por causa da rotina, a gente acostumado com a estrada, talvez haja um pouco de descuido, sempre acontece. Mas quem sabe ele possa ter passado mal, a gente passa aqui todo dia, de dia e de noite”, contou o amigo.

O trecho é considerado perigoso. “Nesta curva aqui é direto. Umas 18 carretas tombaram aqui. Um radar aqui na curva poderia evitar os acidentes”, comentou o produtor rural Lourenço Boscalha.

De acordo com o Departamento de Estradas e Rodagens (DER), até julho um radar será instalado em um local próximo ao acidente.