DSC00525Um caminhão caçamba destinado pelo governo federal que nem bem acabou de chegar a Barra de São Francisco, entregue recentemente a prefeitura francisquense para garantir melhores estradas para quem vive e produz no campo, foi flagrado, no último sábado, 19 de abril de 2014, prestando serviços particulares em um lote escavado no Bairro Vila Landinha, ou seja, em frente ao antigo colégio Santa Teresinha.

Os caminhões e máquinas estavam trabalhando a todo vapor em pleno feriado da semana santa. O Governo Federal enviou o caminhão caçamba para auxiliar as prefeituras no cuidado das vias que ligam a cidade às áreas rurais. A ação integra a segunda etapa do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC 2).

Esses equipamentos constituem uma demanda histórica tanto dos prefeitos dos pequenos municípios, quanto dos agricultores e suas organizações. As estradas são fundamentais para os agricultores familiares não só em relação ao transporte dos insumos e dos produtos quanto para a própria locomoção a um centro de saúde ou uma escola”, pontua o delegado federal Reni Antônio Denardi.

DSC00527Em Barra de São Francisco, o caminhão caçamba do PAC foi prestar serviços a particulares, como mostra as fotos em anexo trabalhando em um lote no bairro Vila Landinha.

As estradas em todo município estão abandonados e quando chega um caminhão caçamba como este para servir o homem do campo, o destino dele foi outro, ou seja, atender a particulares.

Até o momento, nenhum vereador da cidade tomou alguma providência. Também não se manifestou o Ministério Público.

O lote fica ao lado de um prédio que pertence a Edson Henrique Pereira (Edinho), pai do prefeito Luciano Pereira (DEM). O lote faz parte do terreno do antigo Colégio Santa Terezinha, que hoje está “emprestado” para a prefeitura.

DSC00523 DSC00524

DSC00528