1 enchenteO Governo destinará R$ 1,2 milhão ao estado do Espírito Santo para realizar ações de controle de epidemias depois das fortes chuvas registradas nas últimas semanas e que deixaram dezenas de vítimas, segundo publicou nesta terça-feira o Diário Oficial.

Após as chuvas que afetaram a zona, a Secretaria de Saúde (Sesa) investiga a primeira morte na zona por leptospirose, doença transmitida pela urina de animais, especialmente ratos, depositada em águas paradas, informou a Agência Brasil.

O caso, que está sendo investigado, foi registrado na cidade de Grande Vitória e segundo a Sesa, os resultados serão obtidos em um prazo de 30 dias.

Apesar da chuva ter dado uma trégua durante o fim de semana, muitos bairros e cidades continuam inundados, por isso que as autoridades aconselham os cidadãos a ter as mãos e os pés protegidos para evitar contato com a água suja.

As precipitações registradas nas últimas semanas causaram vários danos na região e o governador do Espírito Santo, Renato Casagrande, calcula que a reconstrução das infraestruturas do estado após nove dias de fortes chuvas levará pelo menos um ano.

Até o momento, mais de 20 pessoas morreram devido às chuvas e cerca de 500 ficaram feridas. De acordo com o último boletim da Defesa Civil, 48.010 pessoas tiveram que abandonar suas casa e se refugiar em casas de parentes e amigos.

Em Minas Gerais, outro dos estados fortemente afetados pelas chuvas na última semana, o número de vítimas subiu para 22, depois que foi encontrado o corpo de Elias Rodrigo Gandes de Souza, de 31 anos, que estava desaparecido desde quinta-feira.

Fonte: Terra Brasil