SiteBarra+Barra+de+Sao+Francisco+SAM_41220A Polícia Militar de Barra de São Francisco prendeu, através de um mandado de prisão, Walaf dos Santos Alves, vulgo Zagalo, acusado de participação em uma tentativa de homicídio em Ecoporanga. O jovem se defendeu, dizendo que foi sequestrado.

Walaf  disse que um rapaz  pagou a quantia de R$ 15 (quinze reais), para que ele o levasse na cidade de Ecoporanga. Ao chegar à cidade, pediu que ele passasse em frente ao ginásio de esportes, momento em que o passageiro disparou um tiro na mão de uma pessoa com o apelido de “Coréia”. Após a tentativa de homicídio, o rapaz teria o feito de refém, exigindo que ele o trouxesse de volta para o Assentamento Miragem – Ecoporanga.

Eu nem sei porque estou preso,eu não sabia de nada. “Sou vítima, pessoa simples, não tenho passagem pela polícia. Sou trabalhador, fui usado nisso“, disse o acusado.

A polícia concluiu que Walaf estava pilotando a moto e na garupa estava Sebastião, vulgo Catarro. Eles atiraram em Coréia, próximo a Escola Daniel Comboni.

Ele foi ouvido pelo delegado e encaminhado para o CDP – Centro de Detenção Provisória, em São Domingos do Norte.