O conselheiro do Tribunal de Contas do Estado (TCES), Domingos Taufner votou pelo ressarcimento de R$ 19 mil aos cofres públicos, no que se refere ao pagamento de “horas extras” não comprovadas à servidores na Prefeitura Municipal de Vila Pavão, no ano de 2006.

De acordo com o conselheiro, quem deverá desembolsar a quantia, é o prefeito afastado Ivan Lauer.

Taufner alegou que os servidores fizeram horas extras, inclusive o motorista do gabinete do prefeito, na época, teria trabalhado 24 horas ininterruptas. Outros funcionários faziam oito (8) horas extras por dia. O conselheiro Rodrigo Chamoun, pediu vista.

O Tribunal de Contas do Estado (TCES) emitiu pareceres de alerta também para as prefeituras de Alegre, Ecoporanga, Jaguaré, Pedro Canário e Vila Velha, no último dia 04.