Nesta manhã de sábado, 17 de março de 2012, por volta das 05h00min, os moradores da Rua dos Operários, bem perto do Presídio de Mantena, começaram a sentir um forte cheiro de gasolina e de fogo queimando e ao saírem de suas casas constataram que o incêndio vinha do veículo que estava estacionando em frente a casa n° 169, onde mora o conhecido Mario România, o Mario do Som ou mesmo pelo apelido de Mário “Marimbondo”. Ele é filho do também conhecido Presidente da Banda Lira Mantenense o Sr. Dionísio, conhecido Tucano.

A Polícia Militar foi chamada e compareceu confeccionando o Boletim de Ocorrência. Segundo alguns depoimentos, o incêndio foi apagado pelo Sr. Tucano e pela família, que acordou com o chamado de uma dona que passava pelo local. A sorte maior é que eles tinham uma mangueira que costumam usar para lavar a calçada e amenizar a poeira da rua e também pela ajuda de vizinhos e populares. Uma ajuda muito importante foi prestada pelos agentes do Presídio que fica perto do local e usaram os seus extintores para juntos apagarem o incêndio que poderia ter ocasionado uma explosão e até vitimas fatais.

De acordo com Mario România, o incêndio não aconteceu por curto-circuito ou coisa parecida, pois o vidro do veículo estava quebrado, provavelmente por quem incendiou o carro e que foi colocado fogo para que queimasse e explodisse causando um impacto maior. “Talvez tenha sido para me intimidar, sou uma pessoa popular, não tenho problemas com ninguém, politicamente sou um militante do Partido dos Trabalhadores e estou pré-candidato a vereador nas próximas eleições municipais e este carro era minha fonte de trabalho. Sempre foi usado para fazer a política do PT e do ex-prefeito Cláudio Batista que eu apoio incondicionalmente. Eles me ofereceram um bom dinheiro para deixar o PT e fazer propaganda para outro político e não aceitei. Eu acho que este crime pode ser político, mas as investigações vão mostrar a verdade”, disse Mário.

Mário ainda é detentor do Blog “Sai desse atoleiro Mantena” e disse que na tarde de sexta-feira foi chamado para fotografar uma Kombi que leva alunos e professores para o município que tinha dado defeito para fazer uma matéria para o blog, e que também estranhamente naquela tarde a secretaria de obras realizou uma grande limpeza perto de sua casa e alguns dos funcionários municipais ainda brincaram com ele dizendo que “você tem moral hein Mário”.

Ele ainda trabalha com a firma SOMMAR, alugando som, tendas e palcos para eventos, isso há muitos anos, é também participante ativo e membro da Igreja Católica de Mantena e também musico participante da Banda Lira Mantenense. Conhecido pelo seu jeito brincalhão de fazer política no meio da rua, não é descartado qualquer hipótese sobre o atentado, inclusive o atentado político.

Lembrando que Mantena já conviveu com o medo quando os transmissores da Radio Sim FM foram explodidos na torre de televisão e que também foram dados tiros no portão do então diretor da Radio Sim, Alexsander Ferreira (Sandro). Lembrando que na época diversos meios de comunicação do Brasil inteiro relataram o fato e que foi instalado o inquérito pela Polícia Civil, mas até hoje continua parado e o povo mantenense não obteve nenhuma resposta das autoridades.

Dessa vez, segundo também comentários, no Presídio que fica bem perto da casa onde foi colocado fogo no veículo existem diversas câmeras de monitoramento que podem ter filmado quem agiu ou quem passou pela rua naquele instante e que pode levar a polícia a prender imediatamente o autor do crime. Ainda existem alguns amigos de Mário do Som que querem fazer uma “vaquinha” para oferecer uma recompensa em um bom valor para quem puder prestar alguma informação sobre o fato ou de quem cometeu este crime covarde sendo que para quem denunciar ou dar pistas do criminoso terá sigilo total e o denunciante preservado.