A estimativa é que a obra, que vai ser paga pelo governo do estado, custe R$ 15 milhões e fique pronta até o final do primeiro semestre de 2019.

Por Victoria Varejão, G1 ES

A Agência de Regulação de Serviços Públicos (ARSP) anunciou a criação de um projeto para instalar barras de aço com dois metros de altura, na Terceira Ponte, no Espírito Santo. O modelo foi criado pela Rodosol, concessionária que administra a via, e aprovado na última quinta-feira (6), pela Agência de Regulação de Serviços Públicos (ARSP).

O anúncio foi feito nesta terça-feira (11), após a ponte ficar totalmente fechada por mais de oito horas, para um trabalho de resgate por parte do Corpo de Bombeiros e da Polícia Militar.

A estimativa é que a obra, que vai ser paga pelo governo do estado, custe R$ 15 milhões e fique pronta até o final do primeiro semestre de 2019.

A alternativa para o não custeamento pelo estado seria aguardar o desfecho de uma ação judicial, que corre desde 1998. Como as pessoas não podem esperar, entendeu-se melhor fazer um investimento e antecipar essa questão”, explicou o diretor da ARSP, Julio Casteglione.

Diretor da ARSP, Julio Casteglione (Foto: Samy Ferreira/ TV Gazeta)
Diretor da ARSP, Julio Casteglione (Foto: Samy Ferreira/ TV Gazeta)

O órgão disse que ainda vai ouvir a opinião da sociedade capixaba sobre o projeto, a partir da próxima segunda-feira (17).

“A concessionária fez a doação desse projeto, que está em fase final de detalhamento. Na próxima segunda-feira, a ARSP inaugura uma consulta pública, que vai ficar aberta por 15 dias. Durante esse período, a sociedade vai estar convidada a fazer suas contribuições. Evidentemente, aquelas três premissas principais precisam ser preservadas”, afirmou Casteglione.

Modelo da barreira da Terceira Ponte

Modelo de barreira que vai ser instalada na Terceira Ponte (Foto: Ari Melo/ TV Gazeta)
Modelo de barreira que vai ser instalada na Terceira Ponte (Foto: Ari Melo/ TV Gazeta)

Modelo de barreira da Terceira Ponte (Foto: Ari Melo/ TV Gazeta)
Modelo de barreira da Terceira Ponte (Foto: Ari Melo/ TV Gazeta)

Modelo de barreira da Terceira Ponte (Foto: Ari Melo/ TV Gazeta)
Modelo de barreira da Terceira Ponte (Foto: Ari Melo/ TV Gazeta)

Ponte fechada

A Terceira Ponte, na Grande Vitória, ficou totalmente fechada por mais de oito horas nesta segunda-feira (10), segundo a Rodosol, concessionária que administra a via. No local era feito um trabalho de resgate, e a interdição era uma recomendação da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros.

Terceira Ponte fica fechada por mais de oito horas na Grande Vitória
Terceira Ponte fica fechada por mais de oito horas na Grande Vitória

A via foi interditada às 15h18 e liberada primeiramente no sentido Vitória x Vila Velha às 23h28. Dois minutos depois, a liberação foi no sentido contrário. Segundo a Rodosol, o resgate foi realizado com sucesso pelas equipes envolvidas.

A estrutura é a principal ligação entre Vitória e Vila Velha, e a interdição total provocou um “nó” no trânsito em várias vias importantes nas duas cidades.