Vem ai a 21ª Pomitafro em Vila Pavão nos dias 11, 12, 13 e 14 de Outubro

Imprimir
Compartilhar
Atualizado em 10 de outubro de 2018
Gabriel Lucas


O município de Vila Pavão está caprichando para deixar a cidade ainda mais bonita e atrativa para receber milhares de pessoas que virão ao município no próximo fim de semana, dias 11,12, 13 e 14 de outubro para participar da 21ª Pomitafro.

Nos dias que antecedem a festa, um clima de cooperação e confraternização envolve as pessoas da cidade.  A cidade vive e se veste com as cores da Pomitafro. Moradores, comerciantes e empresários se empenham e proporcionam um colorido especial à cidade. Os postes, muros, varandas e fachadas das casas, escolas e órgãos públicos ganham enfeites e bandeirolas com as cores e símbolos da Pomitafro. As lojas e comércios produzem lindas vitrines temáticas em alusão ao evento. Além disso, as entradas, saídas e ruas da cidade ganharam atenção extra como limpeza, capina, lavagem de calçamento, pintura de meios fios e poda de árvores.

A festa

A  Pomitafro celebra interculturalidade em Vila Pavão. É considerada um dos maiores eventos culturais do estado do Espirito Santo. Realizada pela Prefeitura em parceria com as entidade organizadas e voluntários, é motivo de orgulho e alegria para todos em Vila Pavão.

O nome Pomitafro vem da junção do nome das três principais etnias presentes em Vila Pavão, a Pomerana, a Italiana e a Afro-brasileira. Sua história precede a existência do município. Criada em 1989 pelos professores e alunos do Centro de Integração de Educação Rural (Cier), a festa tem por objetivo promover a valorização da cultura local e a integração entre os habitantes do município. Com o tempo, ganhou maior dimensão e passou a ser uma festa municipal, a “Festa da Cidade”.

Nas últimas edições, o evento que nasceu em uma escola e ganhou as ruas, passou a ser trabalhado também nas salas de aulas por por professores da Rede pública por meio do projeto Pomitafro na Sala de Aula.

Enquanto em muitas partes do nosso país e do mundo, as pessoas brigam entre si, motivadas pelas diferenças, étnicas, religiosas, políticas e de gênero, em Vila Pavão, pelo contrário, o movimento Pomitafro celebra a mistura e a diversidade.

Infraestrutura

Em mais um trabalho de parceria, a secretaria de Obras e a secretaria de Agricultura do município somaram forças para preparar a infraestrutura adequada que exige a festa.

Os trabalhos de preparação de infraestrutura do evento na área do parque de festas da cidade começaram no final da semana passada. O local passou por uma grande transformação. Os serviços de terraplanagem, montagem do palco principal, das barracas das etnias, tendas, parque de diversões e estacionamento então a todo vapor.

O prefeito Irineu Wutke na manhã desta terça-feira (9) deu giro pela cidade para verificar o andamento dos trabalhos. “De modo geral nossa cidade já é reconhecida pelo capricho com que tratamos nossa infraestrutura, mas como bons anfitriões que somos, queremos caprichar ainda mais para receber os visitantes que estarão na cidade prestigiando a 21ª Pomitafro”, comentou o prefeito Irineu Wutke.

Segundo o secretário de Obras Anselmo Labarewisk, os trabalhos de embelezamento da cidade começaram na semana passada e devem ser concluídos no mais tardar até esta quarta-feira (10), mesmo porque, na quinta-feira (11), começam as festividades.

Atrações

Esse ano, a 21ª Pomitafro chega cheia de novidades. Uma delas é o Concurso das Rainhas, que agora também estará elegendo as segundas colocadas coroando-as como princesas.

Além dos grupos folclóricos de dança provenientes de vários estados, shows musicais e apresentação de músicos da terra, como os tocadores de concertina, as barracas da etnias com os quitutes típicos de cada povo são um grande atrativo.

O formato com quatro dias de festa é uma inovação e foi sugerido para que um dia, no caso a quinta-feira 11, seja dedicada apenas a atrações religiosas, uma forma de apoiar também a cultura do povo ligado ao movimento gospel, ao louvor católico, corais, quartetos e outras formas transmitir uma mensagem de paz e fé. Nos demais dias a programação passou por alguns ajustes.

O Torneio das etnias no Estádio Municipal Orlando Ferrari acontecerá na sexta feira (12 de outubro). Durante todo o dia, os times que com jogadores das três etnias mostrarão que esporte e cultura podem andar juntos.

Uma grande expectativa de público para esse ano é o II Percurso Pomitafro, que no ano passado levou uma multidão para as ruas com muita música, comidas e bebidas distribuídas gratuitamente para todos. Nesse ano, os organizadores esperam que o mesmo resultado se repita. É grande a movimentação na cidade de pessoas confeccionando e vendendo trajes típicos e acessórios. Isso, leva a crer que mais pessoas vão vestir as cores da sua etnia para interagir nas alas Pomerana, Italiana e Afro-brasileira.  O II Percurso Pomitafro acontece no sábado dia 13 de outubro com início previsto para as 15:00h com concentração no Posto Ferrari.

Está confirmado também para o dia 14 de outubro (domingo) o 1º Encontro de Motocicletas e Motoclubes, mais uma novidade para abrilhantar ainda mais a maior festa étnico-cultural do ES.

O secretário de Cultura e Turismo Gil Leandro Bregër Lauvers Paz acredita que Vila Pavão tem tudo para fazer uma linda Pomitafro. Talvez a maior de todas. “Estamos trabalhando a todo vapor para tudo dar certo, é claro que poderão acontecer imprevistos, mas faz parte, até mesmo para que possamos melhorar mais. É muito trabalho que as comissões têm realizado. Me sinto muito honrado, primeiramente como folclorista e depois como Secretário e gestor desse grande evento. Foi muito difícil trazê-lo de volta, mas conseguimos. O povo abraçou e tem nos ajudado. O que mais quero é que todos entendam que a Pomitafro não pode ser vista como um “gasto qualquer” ela é investimento, educação, giro econômico em todos os setores, além do mais, ela resgata a identidade étnica de cada um, produz alto estima, e deixa nossa cidade com um clima agradável e feliz”, disse.

Programação completa

QUINTA-FEIRA 11 DE OUTUBRO

 19:00h – Abertura da Noite Religiosa da Pomitafro (Celebração)

 19:30h – Musical com Quarteto Adventhus da IASD

 20:20h – Ministério de Dança Miriam (IBVP)

 20:30h – Ministério de Louvor da Igreja Batista de BSF

 SEXTA 12 DE OUTUBRO

 12:00h – TORNEIO DO IMIGRANTE – Estádio Municipal

 18:00h – Abertura da Praça de Alimentação

 18:30h – Grupos Folclóricos infanto-juvenis de Vila Pavão

 19:30h – Desfile para escolha das Rainhas e Princesas da POMITAFRO

 21:00h – BANDA UP POMERISCH

 22:30h – BANDA BRASITÁLIA

 01:00h – Banda Butalux

SÁBADO 13 DE OUTUBRO

 08:00h – Esquinas Culturais em vários pontos da cidade – CENTRO

 15:00h – II PERCURSO POMITAFRO – Concentração Posto Ferrari

 18:00h – Chegada do Percurso – Brasil Tambores (palco principal)

 19:30h – Abertura Oficial da 21ª POMITAFRO

 20:20h – Show com Israelle Cândido e Banda

 22:30h – BANDA POMMERN MEKAS

 00:30h – Show com João Vitor e Vinícius

– Durantes os intervalos no palco principal, haverá apresentação com artistas da terra no Palco Cultural da Praça de Alimentação das Etnias

DOMINGO 14 DE OUTUBRO

 07:30h – Abertura das Barracas Tradicionais com café típico

 07:40h – Encontro da Terceira Idade – Forró de Concertina

 08:00h – I Encontro de Motociclistas e Motoclubes

 11:00h – Almoço Típico Pomerano, Italiano e Afro-Brasileiro nas Barracas Típicas

 13:00h – TARDE CULTURAL: Grupos de Danças Folclóricas

 18:00h – Artistas da terra

 19:30h – BANDA AGITU’S

 21:30h – Show com Caio Reis

Variados:

Parque de diversões

Stand do Arquivo Público do ES

Tendas de Flores e Artesanato

Espaço da Agricultura Familiar (exposições).

Clique aqui e compartilhe com seus amigos do Facebook

Veja outras matérias sobre: Eventos, Região,