Últimas horas para se inscrever nos concursos da PM e Bombeiros

Imprimir
Compartilhar
Atualizado em 26 de julho de 2018
Kelly Fernandes


Quem deseja se candidatar para uma das vagas dispostas nos concursos da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros do Espírito Santo, precisa se apressar. As inscrições terminam às 23h59 desta quinta-feira (26). Os valores da taxa de inscrição são de R$ 60 para soldado e R$ 120 para oficial e podem ser realizadas no site do Instituto AOCP.

No total, os candidatos vão concorrer a uma das 290 vagas para a Polícia Militar e 127 para o Corpo de Bombeiros. Na PM, as oportunidades são para soldado combatente (250), oficial combatente (30) e soldado músico (10). Já para os bombeiros, as vagas são para soldado combatente (120) e oficial combatente (7).

A remuneração para os cargos de soldados combatentes das duas corporações e de soldado músico da Polícia Militar é de R$ 1.220,30, enquanto aluno, e de R$ 2.778,43, mais R$ 300 de auxílio-alimentação, após a formação e o ingresso na carreira.

Já para oficial do Corpo de Bombeiros e da Polícia Militar, os vencimentos são de R$ 2.584,16 no 1º ano do curso de formação; R$ 3.158,42 no 2º ano; R$ 3.455,55 no 3º ano; e R$ 5.823,07, mais auxílio-alimentação de R$ 300, de subsídio bruto como aspirante.

Para assumir uma das vagas oferecidas, os requisitos são: ter ensino médio completo; ser brasileiro nato e ter, na data de matrícula, pelo menos 18 anos de idade e, no máximo, 28 anos; ter altura mínima de 1,65 metro para homens e 1,60 para mulheres; estar em dia com as obrigações eleitorais e militares (se for do sexo masculino); ser aprovado no concurso, no exame de aptidão física e na avaliação psicológica; e ser aprovado em exame antidoping e na investigação social.

Provas

A data provável para a aplicação da prova objetiva e da redação é o dia 26 de agosto. Pela manhã, farão prova os candidatos a soldados. À tarde, a prova será aplicada para os candidatos a oficiais.

As provas objetivas contarão com 80 questões de Língua Portuguesa, Raciocínio Lógico e Matemático, Noções de Informática e Conhecimentos Específicos (legislação orgânica das instituições e legislação das áreas da Segurança Pública e Defesa Social). As provas serão realizadas nas cidades de Cachoeiro de Itapemirim, Colatina, Linhares, Nova Venécia, Venda Nova do Imigrante e na Grande Vitória.

Novas companhias

Além das novas vagas, o Governo do Estado anunciou reformulações na estrutura da Polícia Militar, com a criação de três novas companhias. Uma delas é a 15ª Cia Independente, em Mimoso do Sul, no sul do Estado, que abrangerá, além do município, as cidades de Atílio Vivácqua, Apiacá e Muqui, com objetivo de cuidar da divisa com o Rio de Janeiro.

Também foram criadas a Companhia Especializada de Polícia Escolar (Cepe) –uma unidade operacional responsável pela execução do policiamento ostensivo escolar e difusão de sua doutrina em todo Estado – e a Companhia Independente de Operações com Cães (Cioc), responsável pelas atividades com cães.

Mudanças no edital

Na última segunda-feira (23), foi publicada uma importante mudança no edital do concurso. Segundo informações, além do reconhecimento do nome social e do tratamento nominal, para travestis e transexuais, os candidatos poderão fazer o exame de aptidão física de acordo com sua identidade de gênero.

A mudança acontece após uma ação da Defensoria Pública do Espírito Santo (DPES). No último dia 17, os Defensores Públicos Douglas Admiral Louzada e Gabriela Larrosa de Oliveira reuniram-se, de forma extrajudicial, no Quartel do Comando-Geral para tratar do assunto. Ao fim do encontro, concordou-se em realizar alterações no edital para que o processo seletivo se adeque à decisão do Supremo Tribunal Federal na Ação de Inconstitucionalidade nº 4275 e à Opinião Consultiva nº 24/2018 da Corte Interamericana de Direitos Humanos.

Clique aqui e compartilhe com seus amigos do Facebook

Veja outras matérias sobre: Concursos, Destaques, Em Alta, Empregos, Geral, Região,