Mulinha quer monitoramento por câmeras nas saídas de escolas de Barra de São Francisco

Imprimir
Compartilhar
Atualizado em 25 de junho de 2018
Bruno V. J. de Jesus


O vereador Wilson Mulinha (PDT) apresentou na sessão desta segunda feira, dia 25 de junho, Projeto de Lei ao qual foi enviado as Comissões para analise, Tornando obrigatório a instalação de câmera de monitoramento de segurança nas dependências, cercanias, incluindo as entradas e saídas de todas as escolas públicas municipais, além de vedar a entrega de alunos, menores de idade (até a idade de 10 (dez) anos) a terceiros, no encerramento das aulas, sem autorização dos pais.

O objetivo da implantação dessa lei visa garantir a integridade e a segurança dos alunos, pais e/ou responsáveis, professores e outros servidores das escolas públicas municipais, visando também atuar na prevenção do aliciamento de nossos jovens para o uso ou envolvimento com as drogas, além de proteção e maior segurança em caso de entrega de alunos menores a terceiros sem autorização dos pais, como tem acontecido em algumas escolas que tem levado alunos a serem raptados e muito das vezes violentados.

Como é de conhecimento de todos já está amplamente provado que o monitoramento por câmeras de vídeo é um instrumento eficaz, ferramenta de suma importância, se tornando aliada no combate à violência e criminalidade, que tem frequentemente atingido as adjacências das escolas, incluindo atos de vandalismo.

A instalação dos equipamentos de segurança significa não apenas um modo de desestimular a ação dos vândalos, dos traficantes, que atuam nas partes internas e externas (pátios, corredores, portão de entrada) das escolas, más também auxiliarem na questão do bullyng praticado por alguns alunos que se torna em alguns casos difícil dos professores perceberem.

Os atuais índices de criminalidade amedrontam cada vez mais a população, hoje, não se vive sem o medo constante da violência. É necessário estabelecer um sentimento de segurança aos pais, alunos, professores e outros servidores e será um grande avanço para a rede pública de ensino do município de Barra de São Francisco, Estado do Espírito Santo, principalmente no quesito segurança a aprovação deste projeto, pois várias famílias confiam seus filhos diariamente à rede municipal de ensino, assegura o vereador Wilson Mulinha.

Clique aqui e compartilhe com seus amigos do Facebook

Veja outras matérias sobre: Destaques, finanças, Geral, Polícia, Política, Região,