Represa prestes a colapsar pode causar impacto ‘pior do que uma bomba nuclear’ no Iraque

Imprimir
Compartilhar
Atualizado em 15 de dezembro de 2016
Fernando Pereira

Engenheiros estão correndo para salvar uma represa que pode colapsar – criando uma onda de 25 metros de altura e colocando a vida de sete milhões de pessoas em risco.

(Imagem: EPA)

A represa, próxima à cidade sitiada de Mosul, no Iraque, está afundando lentamente. Especialistas afirmam que mesmo que apenas 26% da estrutura se rompesse, ela poderia liberar uma quantidade de água equivalente a 4.400 piscinas olímpicas.

Tropas curdas estão protegendo a represa, enquanto os engenheiros trabalham em uma solução temporária.

Se a represa romper, a água atingirá Mosul em cerca de 100 minutos, na forma de uma onda de 25 metros de altura. Três dias depois, ela chegaria a Bagdá.

“É apenas uma questão de tempo. Vai ser pior do que jogar uma bomba nuclear no Iraque,” disse Nadhir al-Ansari, professor na Universidade de Lulea, na Suécia, à rede de televisão Al Jazeera.

“Não importa quantos consertos e manutenções a empresa fizer, isso pode até aumentar a vida útil da represa, mas só será capaz de atrasar o desastre.”

Um porta-voz da empresa italiana de engenharia TREVI disse à Al Jazeera: “Eu não sei se é uma corrida contra o tempo, mas nós temos o conhecimento e a tecnologia necessários para tornar a represa segura, pelo menos por enquanto.”

Rob Waugh

Clique aqui e compartilhe com seus amigos do Facebook

Veja outras matérias sobre: acidentes, Destaques, Mundo, Polícia,